Falta de controles internos rendem multa de US$ 136 milhões ao Citigroup nos EUA

O Federal Reserve (Fed) e o Gabinete do Controlador da Moeda dos EUA anunciaram que Citigroup concordou em pagar cerca de US$ 135,6 milhões por violar os termos de um acordo de 2020 para corrigir os seus sistemas de gestão de risco. "O Citigroup fez progressos insuficientes na remediação dos seus problemas com a gestão da qualidade dos dados e não conseguiu implementar controle compensatórios para gerir o seu risco contínuo", afirmou o Fed. As multas somam-se aos US$ 400 milhões que a empresa concordou anteriormente em pagar para resolver as conclusões de 2020. Fonte: Dow Jones Newswires.