Bolsas

Câmbio

5 estratégias para economizar dinheiro cortando gastos desnecessários

SÃO PAULO – Hoje em dia gastar ficou muito mais fácil. O uso de cartões e o acesso a sites de compras online é tão simples que você pode gastar muito mais do que deveria, quase sem perceber.

Clicar no botão do computador em seu quarto e depois de uns dias receber o produto na sua porta, é tentador.

O site Business Insider listou 6 estratégias que podem ser úteis para evitar alguns gastos desnecessários e consequentemente você economizar mais:

1 - Faça menos compras online

O problema das compras online é justamente a facilidade de obter o produto. É possível comprar com apenas um toque, e assim a fatura do seu cartão de crédito pode aumentar sem você perceber.

Muitos varejistas online armazenam informações de cartão de crédito e a maioria dos usuários deixam seus dados de login da conta salvos, o que facilita a compra de casa.

Uma ótima maneira de ficar longe de compras impulsivas é simplesmente apagar toda essa informação. Exclua as informações de cartão de crédito e informações Paypal de suas contas online, e, em seguida, limpe seu navegador para que ele não armazene informações de login e não fique conectado em sites de e-commerce.

O que isso muda? O tempo que você vai demorar para digitar o seu endereço de e-mail e sua senha para entrar, colocar manualmente as informações do cartão de crédito para depois finalizar a compra é muito maior. E durante esse processo você ganha tempo para realmente definir se quer fazer a compra. E esse é um começo para economizar.

2 - Deixe os cartões de crédito e débito em casa

Se você for sair com os seus amigos leve a quantidade de dinheiro que você acha ser suficiente para o evento e deixe seus cartões em casa. Essa atitude põe um limite na quantia que você deve gastar e você acaba economizando forçadamente.

Essa é uma boa tática para os casos em que você vai sair e sabe que pode gastar mais caso não se controlar. Se você tem opções limitadas de gastos, você gastará menos automaticamente. 

3 - Repense cada compra cuidadosamente

Os gastos excessivos podem derivar daquelas compras por impulso em momentos que você não reflete muito sobre se vale a pena ou não adquirir um produto.

É um processo que aos poucos você vai se policiando para administrar melhor o seu dinheiro e o que você escolhe comprar.

4 - A regra dos 10 segundos

Para entender essa regra, pense assim: você está em uma loja com um produto em mãos, prestes a comprá-lo. Não é uma necessidade, apenas algo que você quer, pura gratificação instantânea.

Enquanto você está com o produto em mãos, pode repensar sobre a compra. "Realmente preciso desse produto? " ou "Posso comprá-lo por menos em outro lugar?", são perguntas que você deve se fazer antes de comprar de fato o produto. No momento em que está na fila do caixa é uma boa hora para avaliar se vai ou não efetuar a compra.

O ideal seria se esforçar cerca de 10 segundos para realmente pensar sobre essa situação.

5 – A regra dos 30 dias

Outra estratégia para economizar dinheiro e não gastar à toa é anotar o que você deseja comprar durante um mês em um papel. E nesse período faça uma pesquisa de preços em diferentes lugares, compare os valores e avalie se você realmente precisa do produto. Mas não compre em menos de 30 dias, porque se passado esse prazo e você ainda quiser o produto, ele ganha muito mais consideração e outros são excluídos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos