Bolsas

Câmbio

Petrobras

Conselho confirma nome de Graça Foster, primeira mulher a presidir a Petrobras

Do UOL, em São Paulo

  • Efe/Agência Petrobras

O Conselho de Administração da Petrobras (PETR4) confirmou, em reunião nesta quinta-feira (9), o nome de Maria das Graças Silva Foster para a presidência da estatal, segundo comunicado divulgado pela companhia.

Ela substitui José Sergio Gabrielli, que tem aspirações políticas e pode concorrer ao governo da Bahia em 2014. O governador baiano, Jaques Wagner (PT), convidou Gabrielli para ocupar uma secretaria do Estado, mas não estava claro se ele não teria que cumprir uma quarentena.

O atual presidente permanece no cargo até a próxima segunda-feira (13), quando ocorrerá a posse de Graça Foster, como é conhecida a diretoria de Gás e Energia.   Ela será a primeira mulher a presidir a estatal.

Graça Foster foi indicada por Guido Mantega, ministro da Fazenda e presidente do Conselho da Petrobras. Próxima da presidente Dilma Rousseff, ela chegou a ser cotada para assumir o cargo de ministra-chefe da Casa Civil.

Graça Foster leva "estilo Dilma" ao comando da Petrobras

A primeira mulher a alcançar a presidência da Petrobras tem um estilo gerencial bem parecido com o da presidente Dilma Rousseff. Exigente e determinada, Graça Foster costuma ser dura com quem não atende suas demandas.

Com fama de brava, ela desperta admiração daqueles que trabalham diretamente com ela por seus conhecimentos técnicos e firmeza nas cobranças que faz e também por sua garra e superação diante das dificuldades vividas na infância.

Apoio de Dilma desde 2003

Uma das 50 mulheres em ascensão no mundo dos negócios segundo o jornal inglês "Financial Times", Graça Foster tem apoio de Dilma desde 2003, quando foi indicada para ocupar a secretaria de Petróleo e Gás do Ministério de Minas e Energia, que era comandado na ocasião pela atual presidente.

Graduada em Engenharia Química pela Universidade Federal Fluminense (UFF), tem mestrado em Engenharia Química e pós-graduação em Engenharia Nuclear pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (COPPE/UFRJ) e MBA em Economia pela Fundação Getulio Vargas (FGV/RJ).

Funcionária de carreira da Petrobras, onde ingressou como estagiária de engenharia em 1978, assumiu a diretoria de Gás e Energia em setembro de 2007.

Cresceu no Morro do Adeus e torce para o Botafogo

Nascida em Caratinga, no interior de Minas Gerais, em 26 de agosto de 1953, Graça Foster mudou-se com apenas dois anos de idade para o Rio, onde cresceu no Morro do Adeus, no Complexo do Alemão, comunidade pobre que por anos foi ícone de violência da cidade, até ser pacificada em 2010.

Além de uma pequena bandeira do Botafogo, seu time, Graça exibe imagens de outras paixões em sua sala espaçosa do 24º andar da sede da Petrobras. Sobre a mesa, fotos da neta de 16 anos e do casal de filhos -um estudante de jornalismo e uma médica. Também guarda uma fotografia dela junto ao atual presidente da Petrobras, José Sérgio Gabrielli.

Ela gosta de caminhar e ir à missa todos os domingos. Apesar de ser católica, preserva em sua sala algumas imagens de orixás, que, segundo alguns conhecidos, lhes foram dadas de presente.

(Com informações da Reuters)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos