ipca
-0,09 Ago.2018
selic
6,5 19.Set.2018
Topo

Bilionários

Marinho é a família mais rica do Brasil, segundo 'Forbes'; veja lista

Do UOL, em São Paulo

14/05/2014 15h26Atualizada em 14/05/2014 17h41

A revista "Forbes" divulgou, nesta terça-feira (13), um ranking com as 15 famílias mais ricas do Brasil. A família Marinho lidera, seguida pelos Safra e os Ermírio de Moraes. 

Na 9ª posição, aparece a família Batista. Não se trata do clã de Eike Batista, mas sim dos herdeiros da produtora de carnes JBS, entre eles Joesley Batista.

Dos 65 brasileiros que aparecem no ranking de bilionários da revista, 25 herdaram a fortuna, e oito famílias concentram mais de uma pessoa com mais de US$ 1 bilhão no bolso.

As 15 famílias mais ricas do Brasil

  • Marinho (Mídia)

    Os três irmãos que controlam as Organizações Globo são bilionários: Roberto Irineu Marinho, João Roberto Marinho, José Roberto Marinho. Juntos, eles têm uma fortuna estimada em US$ 28,9 bilhões

  • Safra (Banco)

    São três parentes, todos bilionários graças ao império do banco Safra: Joseph Safra, Moise Safra e Lily Safra. Eles têm a fortuna estimada em US$ 20,1 bilhões quando somada

  • Ermírio de Moraes (Conglomerado Votorantim)

    São seis parentes, todos bilionários --Antonio Ermírio de Moraes, Ermírio Pereira de Moraes, Maria Helena Moraes Scripilliti, José Roberto Ermírio de Moraes, José Ermírio de Moraes Neto e Neide Helena de Moraes--, com fortuna estimada em US$ 15,4 bilhões. A riqueza veio do grupo Votorantim, fundado por José Ermírio de Moraes Juntos em 1918, e que hoje inclui de banco a siderúrgica

  • Moreira Salles (Banco)

    Reúne quarto irmãos, todos bilionários: Fernando Roberto Moreira Salles, João Moreira Salles, Pedro Moreira Salles e Walter Moreira Salles Junior. A fortuna deles vem da herança do Unibanco, incorporado ao Itaú, e de uma empresa de mineração de nióbio. Somando tudo, dá US$ 12,4 bilhões

  • Camargo (Conglomerado Camargo Corrêa)

    São três irmãs, todas bilionárias: Rossana Camargo de Arruda Botelho, Renata de Camargo Nascimento e Regina de Camargo Pires Oliveira Dias. Juntas, elas têm um fortuna avaliada em US$ 8 bilhões, vinda do império Camargo Corrêa, que têm negócios de engenharia, construção, energia e transportes, entre outros

  • Villela (Itaúsa)

    São cinco parentes, dois deles bilionários graças à herança do banco Itaú: Alfredo Egydio de Arruda Villela Filho e Ana Lucia de Mattos Barretto Villela. Juntos, eles têm US$ 5 bilhões

  • Maggi (Soja)

    São cinco parentes, quatro deles bilionários graças a uma das maiores produções de soja do mundo: Lucia Borges Maggi, Blairo Borges Maggi, Marli Maggi Pissollo, Itamar Locks e Hugo de Carvalho Ribeiro. A fortuna em conjunto é estimada em US$ 4,9 bilhões

  • Aguiar (Banco)

    São três irmãs, todas bilionárias graças à herança do banco Bradesco: Lina Maria Aguiar, Lia Maria Aguiar e Maria Angela Aguiar Bellizia. As três juntas têm uma fortuna estimada em US$ 4,5 bilhões

  • Batista (Carnes)

    São dez parentes herdeiros da fortuna de José Batista Sobrinho, fundador da produtora de carne JBS --hoje uma das maiores empresas de alimentos do mundo. Nenhum deles é bilionário, mas juntos somam US$ 4,3 bilhões

  • Odebrecht (Vários setores)

    São 15 parentes herdeiros da empresa fundada pelo engenheiro pernambucano Norberto Odebrecht. O grupo atua em diversos setores, entre eles engenharia, construção, produtos petroquímicos e químicos. Sozinho, nenhum dos parentes é bilionários, mas juntos eles reúnem US$ 3,9 bilhões

  • Civita (Mídia)

    São três irmãos (Giancarlo Francesco Civita, Anamaria Roberta Civita e Victor Civita Neto) herdeiros da editora Abril. Juntos, têm fortuna avaliada em US$ 3,3 bilhões

  • Setubal (Banco)

    São 25 parentes de uma das famílias fundadoras do banco Itaú (foram os Villela junto com os Setubal). Nenhum dos Setubal é bilionário, mas juntos eles têm uma fortuna estimada em US$ 3,3 bilhões

  • Igel (Petróleo e petroquímicos)

    São sete parentes herdeiros do grupo Ultra, dono de marcas como Ipiranga e Ultragás, com fortuna avaliada em US$ 3,2 bilhões. Dos sete, um deles é bilionário: Daisy Igel

  • Marcondes Penido (Rodovias pedagiadas)

    São duas irmãs herdeiras da CCR, maior operadora brasileira de rodovias pedagiadas por valor de mercado, com fortuna estimada em US$ 2,8 bilhões. Uma delas é bilionária: Ana Maria Marcondes Penido Sant'Anna

  • Feffer (Celulose e papel)

    São cinco irmãos, herdeiros da Suzano. Nenhum deles é bilionário, mas, juntos, eles têm uma fortuna estimada em US$ 2,3 bilhões

A revista \"Forbes\" divulgou, nesta terça-feira (13), um ranking com as 15 famílias mais ric","image":{"sizes":{"personalizado":"","original":"142x100"},"height":100,"width":142,"crops":"80x80;100x70;128x96;142x100;142x200;300x100;300x200;300x300;300x420;300x500;615x300;564x430;615x470;956x500;1920x1280","src":"http://conteudo.imguol.com.br/c/noticias/2014/03/03/roberto-irineu-marinho-66-o-filho-mais-velho-do-fundador-da-tv-globo-roberto-marinho-tem-fortuna-estimada-em-us-91-bilhoes-e-o-ocupa-o-137-lugar-do-ranking-mundial-1393857108289_142x100.jpg","type":"","titulo":"","credito":"Mastrangelo Reino/Folhapress"},"date":"14/05/2014 17h41","kicker":"do UOL"}}' cp-area='{"xs-sm":"49.88px","md-lg":"33.88px"}' config-name="economia/economia">

Mais Bilionários