PUBLICIDADE
IPCA
-0,31 Abr.2020
Topo

Polêmica bilionária australiana quer impedir série de TV sobre sua vida

Do UOL, em São Paulo

13/02/2015 18h18

Sempre envolvida em polêmicas, a magnata australiana da mineração Gina Rinehart agora tenta proibir a exibição de parte de um documentário sobre sua vida na TV.

O primeiro episódio já foi exibido na semana passada pela emissora Nine Network. A segunda e última parte deve ir ao ar neste fim de semana. Os advogados de Rinehart pedem para ver o vídeo antes que ela vá ao ar. 

De acordo com a agência de notícias Reuters, o programa retrata a vida particular da bilionária (que é notoriamente reclusa) e de seu pai, o excêntrico pioneiro da mineração Lang Hancock, já falecido.

Segundo o advogado da empresária, Tom Blackburn, o segundo episódio pode conter informações "maliciosas e difamatórias" sobre ela.

Polêmicas

Apesar de ser discreta quanto à sua vida privada, Rinehart é conhecida pela disposição para a briga.

Ela gerou indignação mundial quando declarou que o salário ideal para um trabalhador era o africano, equivalente a R$ 4 por dia.

Antes, ela já tinha dito aos que têm "inveja" de sua fortuna para pararem de beber e começarem a trabalhar. Na mesma ocasião, pediu ao governo que diminuísse o salário mínimo para atrair mais investimentos.

Rinehart herdou minas de ferro no oeste da Austrália de seu pai e chegou a ocupar o posto de mulher mais rica do mundo em 2012.

Até hoje, ela disputa com os próprios filhos o controle legal de um fundo que detém 23,5% da empresa de mineração da família.

(Com Reuters)

Bilionários