Bolsas

Câmbio

Saque do FGTS: "Não é necessário madrugar na porta das agências", diz Caixa

Maria Carolina Abe

Do UOL, em São Paulo

  • iStock

O trabalhador não deve enfrentar transtornos se precisar ir a uma agência da Caixa Econômica Federal para tirar dúvidas ou receber o dinheiro do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço), afirmou o diretor-executivo do FGTS da Caixa, Valter Nunes. 

"Não é necessário madrugar na porta das agências", disse Nunes, em entrevista transmitida via Facebook. "Se você vir uma agência da Caixa muito cheia, e tiver condições, deixa para o dia seguinte", sugere. "O mundo não acaba no dia 10."

O saque das contas inativas do Fundo de Garantia começa nesta sexta-feira (10) para quem nasceu em janeiro e fevereiro. A Caixa definiu datas diferentes, de acordo com o mês de nascimento do trabalhador, para evitar que todos procurem as agências ao mesmo tempo.

"A orientação para os trabalhadores é que não tenham pressa em sacar. Não é necessário uma corrida às agências. Todos serão necessariamente atendidos até o final do calendário", disse a vice-presidente de Fundos de Governo e Loterias da Caixa, Deusdina Pereira, em nota.

Horário estendido

Nunes também informou que todas as agências da Caixa abrirão duas horas mais cedo na sexta-feira (10) e também na segunda (13) e terça-feira (14) da semana que vem. A exceção são as agências que normalmente abrem às 9h: nesses casos, a abertura será às 8h (uma hora antes), mas elas fecharão uma hora mais tarde. 

Além disso, algumas agências abrirão no sábado (11), das 9h às 15h. É possível consultar a relação no site da Caixa.

"Se a gente conseguir um escalonamento [atendimento aos poucos], nós vamos pagar sem grandes problemas para o trabalhador", afirmou o diretor da Caixa. 

Plano B

Segundo o diretor, o banco "se preparou bastante para esse momento". 

"Nós tivemos um tempo de preparação, criamos canais alternativos para que a pessoa tivesse a informação de conta inativa, estamos fazendo esse atendimento diferenciado em todas as agências da Caixa, temos também o atendimento no sábado nessas 1.800 agências. E temos uma estratégia de contingência", disse.

"Se sentirmos que não está tendo vazão, que está tendo um acúmulo de pagamento, pode ser que a gente use outras alternativas de abertura antecipada."

Quem tem direito ao saque das contas inativas

O trabalhador com carteira assinada que pediu demissão ou foi demitido por justa causa até 31 de dezembro de 2015.

Confira o calendário

Como receber

Os trabalhadores terão quatro opções para receber os valores de contas inativas do FGTS:

Crédito em conta

Quem tem conta-corrente ou poupança conjunta na Caixa poderá pedir o recebimento do crédito em conta, por meio do site das contas inativas (www.caixa.gov.br/contasinativas) ou pelo telefone 0800-726-2017. 

Para os clientes do banco que têm conta poupança individual, o dinheiro será automaticamente transferido para a poupança. O valor estará disponível na conta no dia da abertura do calendário mensal. 

Caixas eletrônicos

O saque também pode ser feito em caixas eletrônicos. Para valores de até R$ 1.500, é possível sacar só com a senha do Cartão do Cidadão, mesmo que o beneficiário tenha perdido o documento. Para valores de até R$ 3.000, o saque pode ser feito com Cartão do Cidadão e a respectiva senha.

Agências lotéricas e correspondentes

Os valores do FGTS inativo também podem ser retirados em agências lotéricas e correspondentes Caixa Aqui. Neste caso, o beneficiário vai precisar do Cartão do Cidadão, da respectiva senha e de um documento de identificação.

Agências da Caixa

Há, ainda, a possibilidade de retirar o dinheiro diretamente nas agências da Caixa. Quem tem mais de R$ 3.000 para receber só poderá fazer isso nas agências. 

Os documentos necessários são o número de inscrição do PIS (Programa de Integração Social) e o documento de identificação do trabalhador. Para valores superiores a R$ 10 mil, é obrigatório levar a carteira de trabalho ou documento que comprove a extinção do vínculo do trabalho.

A Caixa orienta que os trabalhadores consultem o site ou o 0800-726-2017 para serem direcionados à melhor opção de pagamento, antes de se dirigirem a um dos canais oferecidos. Além disso, o banco recomenda que os clientes que serão atendidos nas agências, além dos documentos pessoais, apresentem a carteira de trabalho para agilizar o atendimento em caso de dúvidas, independentemente do valor de saque.

Transferência para outros bancos

Segundo a Caixa, trabalhadores com conta-poupança na Caixa poderão transferir o dinheiro das contas inativas para outro banco sem ter de pagar pela movimentação (DOC ou TED) até 31 de agosto. 

Quem NÃO tem conta na Caixa poderá transferir o dinheiro do FGTS sem custo para outros bancos até 31 de julho, último dia para saque do recurso. 

Nos sábados em que algumas agências do banco estarão abertas para atendimento, a transferência será feita via DOC, não TED. Por isso, o limite máximo será de R$ 5.000 e o dinheiro levará um dia útil para estar disponível. 

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos