PUBLICIDADE
IPCA
0,24 Ago.2020
Topo

Inflação desacelera para 0,33% em fevereiro, a menor para o mês desde 2000

Do UOL, em São Paulo

10/03/2017 09h01Atualizada em 10/03/2017 10h48

O IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo), que mede a inflação oficial, desacelerou para 0,33% em fevereiro, após ficar em 0,38% em janeiro. Foi o índice mais baixo para o mês desde 2000 (0,13%).

As informações foram divulgadas pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) nesta sexta-feira (10). 

Em fevereiro do ano passado, o IPCA foi de 0,9%.

A meta em 2017 é manter a inflação em 4,5% ao ano, mas há uma tolerância de 1,5 ponto, ou seja, pode variar entre 3% e 6%.

No ano passado, a inflação oficial no Brasil foi de 6,29%, dentro do limite máximo da meta. O objetivo era manter a alta dos preços em 4,5% ao ano, mas com tolerância de dois pontos para mais ou para menos, ou seja, podendo variar entre 2,5% e 6,5%. 
 

O que você faz para driblar a crise?

Resultado parcial

Total de 25008 votos
13,23%
5,23%
55,94%
18,57%
7,03%
Total de 25008 votos

No acumulado de 12 meses, o índice acumula alta de 4,76%, menos que a esperada.

Mensalidade escolar 

A alta dos preços em fevereiro foi puxada por gastos com educação (+5,04%), o que reflete os reajustes feitos geralmente no início do ano nas mensalidades escolares.

Já os custos da alimentação, com grande peso no índice, caíram 0,45%. Dentre os produtos que mais caíram estão o feijão carioca (-14,22%), a batata inglesa (-5,06%), o frango (-3,83%) e o tomate (-3,33%).

"A oferta de alimentos se sobrepôs à demanda menor em fevereiro. Os alimentos estão mais baratos pela grande e forte safra para este ano", disse o coordenador do IBGE Fernando Gonçalves.

Juros X Inflação

No mês passado, o Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central (BC) decidiu cortar a taxa básica de juros (Selic) pela quarta vez seguida. A Selic caiu 0,75 ponto percentual, para 12,25% ano. 

Os juros são usados pelo Banco Central para tentar controlar a inflação. De modo geral, quando a inflação está alta, o BC sobe os juros para reduzir o consumo e forçar os preços a caírem. Quando a inflação está baixa, o BC derruba os juros para estimular o consumo. 

A inflação mais baixa que o esperado em 2016 contribuiu para a decisão do Copom de reduzir os juros e o resultado do mês passado pode contribuir para novos cortes.

Como ir à praia e gastar pouco em tempos de crise?

UOL Notícias