Linha mais barata de crédito imobiliário só voltará em 2018, diz Caixa

Do UOL, em São Paulo

  • iStock

A Caixa Econômica Federal informou nesta sexta-feira (7) que novas contratações da linha Pró-Cotista, que oferece o crédito mais barato do mercado para a compra de imóveis, só serão retomadas no próximo semestre. A linha está suspensa desde o mês passado, por falta de recursos.

Em nota, o banco, maior financiador imobiliário do país, explicou que a medida se deu "em razão do comprometimento total do orçamento disponibilizado pelo Conselho Curador do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço) para este ano.

  • 50456
  • true
  • http://economia.uol.com.br/enquetes/2017/02/08/voce-tem-casa-propria.js

"Para 2017, orçamento previsto é de R$ 84 bilhões para toda a carteira imobiliária, sendo R$ 6,1 bilhões para a linha pró-cotista. Os recursos disponibilizados para a referida linha já foram utilizados", informou o banco. 

Por meio de sua assessoria de imprensa, a Caixa afirmou que a suspensão não está ligada à liberação dos recursos das contas inativas do FGTS. "O saque por parte do trabalhador faz parte do modelo conceitual do FGTS e não fragiliza a capacidade de investimentos, autorizados pelo Conselho Curador do FGTS, nas áreas de Saneamento, Infraestrutura e Habitação."

Imóveis de até R$ 950 mil

A linha pró-cotista financia a compra de imóveis de até R$ 950 mil nos Estados de São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais e no Distrito Federal, e de até R$ 800 mil nos outros Estados. É a linha de empréstimo habitacional mais barata depois do Minha Casa Minha Vida.

No Minha Casa, o limite é de R$ 300 mil. Além disso, a renda familiar no Minha Casa não pode ultrapassar R$ 9.000.

Já no Pró-Cotista, não há restrição quanto à renda. Basta o interessado estar trabalhando e contribuindo para o FGTS há pelo menos três anos ou ter uma conta inativa no fundo com saldo equivalente a 10% do valor do imóvel.

Na semana passada, o presidente da Caixa, Gilberto Occhi, afirmou à agência Reuters que a linha seria restabelecida "nos próximos dias", apontando a previsão de um aporte adicional de cerca de R$ 2 bilhões para a linha. Ele disse que a liberação dos recursos estaria dependendo apenas de um remanejamento de verba no Ministério das Cidades. 

Taxa mais barata do mercado

O crédito imobiliário utilizando a linha Pró-Cotista na Caixa tem taxa de juros entre 7,85% e 8,85% ao ano, dependendo do grau de relacionamento do interessado com o banco. É a taxa mais barata para quem busca financiar um imóvel de até R$ 950 mil.

O Banco do Brasil, que também oferece a linha Pró-Cotista, ainda possui recursos disponíveis para quem quiser utilizar essa linha de crédito. As condições exigidas para o financiamento são semelhantes às da Caixa, mas a taxa de juros é um pouco mais alta, de 9% ao ano.

(Com Reuters) 

Conheça o Tour Odéon, o 'apartamento mais caro' do mundo

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos