Hooters, fast food com garçonetes sensuais, fecha 3 das 4 unidades em SP

Thâmara Kaoru

Do UOL, em São Paulo

A rede norte-americana de fast food Hooters, conhecida por ter garçonetes que vestem shorts curtos e regatas decotadas, fechou três unidades em São Paulo em dois anos.

A marca desembarcou no Brasil em 2002, com um restaurante localizado em Santo Amaro, zona sul de São Paulo. Sem bons resultados na época, a rede passou a contar com novos donos que decidiram mudar a lanchonete para a Vila Olímpia, na zona oeste, em novembro de 2010, e começar a expansão.

Em 2012, o Hooters abriu a segunda unidade, no Mooca Plaza Shopping, na zona leste de São Paulo. No ano seguinte, chegou ao ABC paulista e, em julho de 2015, foi a vez da região da Paulista, no centro da cidade, ganhar a versão do restaurante. 

Hoje, porém, apenas a unidade da Paulista continua funcionando. Segundo relatos de clientes na internet, as outras três lanchonetes fecharam entre 2015 e 2016. A empresa não passou informações para confirmar os dados.

Em 2011, a rede chegou a afirmar que planejava investir R$ 30 milhões para abrir 15 unidades do restaurante no Brasil até a Copa de 2014. O plano, porém, não deu certo.

A empresa também afirmou que em 2012, o Hooters Vila Olímpia foi a terceira unidade que mais faturou no mundo, fora os restaurantes dos Estados Unidos, perdendo apenas para Tóquio e Cingapura. Isso, também, não foi suficiente para evitar que a unidade fosse fechada. Hoje, o local que abrigou a marca por seis anos já deu espaço a um novo restaurante.

Além das garçonetes, a lanchonete também é conhecida por reunir aficionados por esporte para que possam assistir aos jogos e beber com os amigos.

Resposta

O UOL tentou contato por telefone e e-mail com Marcel Gholmieh, responsável pelo Hooters no Brasil, por duas semanas, desde o dia 23 de junho, para saber o motivo do fechamento das unidades. A reportagem não obteve resposta até a publicação deste texto.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos