Bolsas

Câmbio

Veja como é feito o espumante de R$ 43,50 eleito 5º melhor vinho do mundo

Do UOL, em São Paulo

Eleito o quinto melhor vinho do mundo pela Associação Mundial de Jornalistas e Escritores de Vinhos e Destilados (WAWWJ), o espumante Casa Perini Moscatel é produzido pela vinícola Perini, na Serra gaúcha, desde 1998.

A notícia da premiação chamou atenção na semana passada não apenas pela posição de destaque na lista, já que é o espumante mais bem posicionado, como também por seu preço: R$ 43,50.

Após a divulgação, especialistas relativizaram a importância desses concursos, afirmando que os rótulos famosos e tradicionais não participam. O colunista da "Folha de S.Paulo" Luiz Horta elogia a bebida e a produção brasileira de espumantes, mas disse que realmente as vinícolas mais famosas do mundo ficam de fora dessas disputas.

De uma forma ou de outra, a vinícola Perini virou notícia. Veja no álbum no começo deste texto ou clique aqui para acompanhar o passo a passo de como é feito esse espumante brasileiro reconhecido pela premiação. A seguir, confira mais detalhes de sua produção:

 Uvas colhidas a mão

O Casa Perini Moscatel é feito com uvas da variedade moscato, cultivadas na região de Farroupilha (RS). A região montanhosa favorece o cultivo de uvas, combinando invernos rigorosos com verões quentes, além de solo e altitudes propícios, de acordo com a vinícola.

A Casa Perini planta as uvas utilizadas, mas também compra de produtores da região. Atualmente, mais de 1.000 famílias estão envolvidas no cultivo de uvas moscato, de acordo com Leandro Santini, enólogo da Perini.

A colheita é feita a mão, de acordo com a empresa, entre janeiro e março. Na vinícola, máquinas extraem o suco das uvas, para depois passar pela fermentação por 25 dias e posteriormente serem engarrafadas.

Atualmente, a produção é toda vendida no Brasil, mas a empresa não divulga quantas garrafas são feitas por ano.

Doce, com toque frutado

Segundo Leandro Santini, a bebida tem uma característica doce, própria do moscatel, equilibrada com a acidez, já que é um espumante.

Ele diz que ela possui toques de flores e frutas como pêssego, pera e maçã.

Espumante com churrasco

O moscatel é um tipo de espumante que, em geral, acompanha sobremesas, por ser mais doce.

"Combina mais com tortas, bolos, sorvetes", afirma Santini. Ele afirma, porém, que hoje o público tem bebido junto com pratos principais ou mesmo antes das refeições. "A gente vê um número crescente de pessoas que vai em busca do diferente."

E já que é do Rio Grande do Sul, região tão famosa pelas carnes, o enólogo garante que há gaúcho que gosta de tomar o espumante até mesmo com churrasco.

"Quem somos nós para dizer que não pode tomar um moscatel com um bom churrasco?", pergunta. "É um produto que nos permite muitas experiências."

Uma piscina de vinho e chá verde? No Japão tem!

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos