Bolsas

Câmbio

Reforma trabalhista

Reforma trabalhista: o que muda no salário?

Do UOL, em São Paulo

  • Getty Images/iStockphoto

Confira os principais pontos da reforma trabalhista que afetam o salário:

Imposto sindical

A reforma acaba com a obrigatoriedade do imposto sindical.

Antes da reforma, todos os trabalhadores deveriam pagar o imposto, no mês de março, que equivale a um dia de trabalho por ano. Esse valor é destinado ao sindicato de sua categoria.

Agora ele passa a ser opcional.

Prêmios e abonos

A reforma define que prêmios, bonificações e bônus que as empresas dão a funcionários, como forma de compensar bom desempenho, não contam como salário.

Isso significa que esses adicionais podem ser aumentados ou reduzidos, variando de acordo com metas alcançadas. Já o salário, por lei, não pode ser diminuído.

Além disso, INSS e FGTS não incidem sobre esses valores a mais, como acontece com o salário.
 

Como a reforma trabalhista afeta a sua vida?

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Entenda a reforma trabalhista

UOL Cursos Online

Todos os cursos