PUBLICIDADE
IPCA
0,86 Out.2020
Topo

Empresas aéreas iniciam amanhã período apenas com voos essenciais no Brasil

Avião Gol modelo Boeing 737 MAX 8 - Divulgação
Avião Gol modelo Boeing 737 MAX 8 Imagem: Divulgação

Do UOL, em São Paulo

27/03/2020 10h41

A partir de amanhã, as companhias aéreas Gol, Latam e Azul iniciam um período de menos voos no país devido às medidas adotadas para combater o novo coronavírus. Até o final de abril serão feitos apenas voos considerados essenciais. As 26 capitais, o Distrito Federal e outras 19 cidades serão atendidas.

No programa apresentado pelas companhias hoje à Anac (Agência Nacional de Aviação Civil) estão previstos 723 voos no Sudeste, 153 na região Nordeste, 155 voos no Sul, 135 no Centro-oeste e 75 voos para a região Norte.

"A distribuição dos voos atende a preocupação do governo federal de manter uma malha que continue integrando o País, com ajustes para que nenhum estado fique sem pelo menos uma ligação aérea", diz a Anac em nota divulgada à imprensa.

Com a adequação, o número de voos semanais passou de 14.781 para 1.241. A malha emergencial é 91,61% menor do que a originalmente prevista pelas empresas para o período. A queda é de 56,06% das localidades atendidas, passando de 106 para 46.

Veja mais economia de um jeito fácil de entender: @uoleconomia no Instagram.
Ouça os podcasts Mídia e Marketing, sobre propaganda e criação, e UOL Líderes, com CEOs de empresas.
Mais podcasts do UOL em uol.com.br/podcasts, no Spotify, Apple Podcasts, Google Podcasts e outras plataformas.