PUBLICIDADE
IPCA
+0,53 Jun.2021
Topo

Mídia e Marketing

Francisco Soares Brandão prepara sucessão na FSB

Renato Pezzotti

Colaboração para o UOL, em São Paulo

04/12/2020 16h02

Francisco Soares Brandão, sócio fundador da FSB, um dos maiores grupos de comunicação corporativa do país, deu hoje mais um passo rumo à sua saída da empresa.

Atualmente com 52% de participação na holding, Brandão vai transferir 22% de suas ações para sócios e executivos que já fazem parte da FSB. Tal transferência vai acontecer em 5 anos, mediante o cumprimento de metas de performance. O acordo ainda será revisado no mês que vem.

Em e-mail enviado à equipe, Francisco reforçou que desde a fundação da empresa, tinha duas obsessões: "oferecer mais do que o cliente espera" e "ter gente melhor do que a gente para trabalhar com a gente". Segundo o executivo, estes foram os principais motivos da mudança que pretende "preparar a empresa para os desafios do futuro".

Com as mudanças, a holding do Grupo FSB passa a ter 9 sócios: Alexandre Loures, Diego Ruiz, Flávio Castro, Magno Trindade e Renato Salles, além de Gabriela Wolthers e Marcelo Diego, recém incorporados ao quadro. Outros 23 profissionais fazem parte das Sociedades FSB e Loures, num total de 32 associados nas empresas do grupo.

Com um faturamento estimado em R$ 250 milhões para 2020, a FSB tem escritórios em São Paulo, no Rio de Janeiro e em Brasília. Fundada em 1980, a empresa possui, atualmente, 250 clientes e cerca de 630 colaboradores.

Mídia e Marketing