IPCA
0,42 Mar.2024
Topo

Mais motivação que técnica: o que é a teoria do mil ao milhão do Primo Rico

Namorado de Maíra tem fortuna estimada em R$ 22 milhões - Reprodução/Instagram
Namorado de Maíra tem fortuna estimada em R$ 22 milhões Imagem: Reprodução/Instagram

Gabryella Garcia

Colaboração para o UOL, em São Paulo

03/03/2023 12h01Atualizada em 03/03/2023 12h01

O influenciador Thiago Nigro, conhecido na internet como "O Primo Rico", se tornou um dos assuntos mais comentados nas redes sociais nesta semana ao anunciar namoro com a também influenciadora Maíra Cardi. Nigro começou a fazer fama na internet em 2016, quando criou o canal no Youtube em que dá dicas sobre educação financeira. Hoje, é um dos sócios do Grupo Primo, que incluiu a Finclass, plataforma de ensino financeiro, e a Staage, uma plataforma de marketing digital.

Com uma fortuna estimada em R$ 22 milhões, as dicas do "Primo Rico" pouco diferem muito de outras orientações dadas por influenciadores de educação financeira. Tendo conquistado sua independência financeira aos 24 anos, como afirma em seu próprio site, a principal dica de Nigro é fazer investimentos que paguem bons dividendos mensais para criar uma espécie de "segundo salário".

Mas o que são investimentos que pagam rendimentos mensais? Os dividendos são uma parte do lucro de uma determinada empresa que é distribuído aos seus acionistas. Ou seja, a dica aqui é para comprar ações de empresas e, assim como outros influenciadores, em seus cursos ele dá dicas de quais são as melhores empresas para se investir.

Além dos investimentos em ações de empresas, Nigro dá a dica de que cotas de fundos imobiliários também costumam pagar bons dividendos — nos últimos cinco anos, por exemplo, um levantamento feito por Einar Rivero, head comercial do Trademap, apontou que a Unipar (UNIP6) foi a ação que mais distribuiu dividendos no Brasil.

Mas afinal, o que é a 'teoria do mil ao milhão'?

O livro se divide em três pilares principais:

  • Gastar bem. Nigro afirma que é necessário aprender a gastar o dinheiro, fazendo compras conscientes. Dessa forma, deixando de lado a ostentação e itens considerados supérfluos, a pessoa deixará de comprar bens que tirem seu poder financeiro e passará a investir em bens que geram renda.
  • Investir melhor. A teoria também ensina que aprender a investir é primordial para se conquistar a tão sonhada independência financeira. Para isso, Nigro afirma que é necessário deixar de investir na poupança, por exemplo, para buscar outras formas de investimentos mais rentáveis como tesouro Selic, CDB ou fundos de renda variável como ações e juros imobiliários.
  • Ganhar mais. Esse é um pilar que definitivamente não depende apenas da vontade da pessoa, afinal, que não gostaria de ganhar mais? Mas Nigro afirma que com baixo investimento a independência financeira se torna inatingível e, por isso, é necessário buscar meios de ganhar mais dinheiro, seja pelo próprio trabalho ou empreendendo.

Lições para transformar o mil em milhão:

  • Não gastar com bobagens. "O Primo Rico" diz que as pessoas devem parar de gastar dinheiro com coisas que só geram despesas e usarem isso para investir no futuro. A gastança com prazeres pessoais deve ser feita "sem abuso".
  • Pensar no longo prazo. Aqui a lição é para fugir de oportunidades de "dinheiro fácil" e pensar em investimentos de longo prazo. Para o autor o processo do milhão leva anos e, por isso, é necessário construir "tijolo por tijolo" para alcançar a riqueza.
  • Mentalidade empreendedora. Mesmo não tendo o próprio negócio, é importante buscar como "patrão" ou um empreendedor. Mesmo em um ambiente de trabalho em que seja apenas um funcionário, é necessário pensar em metas e produtividade em busca do milhão.
nigro - Divulgação - Divulgação
Imagem: Divulgação

O que o difere de outros influenciadores de educação financeira?

Os assuntos abordados por Nigro em seus livros, lives, cursos e podcasts não chega a trazer nenhuma "revolução" que já não tenha sido abordada por outro influenciador. Ele mesmo aponta que um de seus diferenciais é a experiência que passou de ter "perdido tudo".

Aos 18 anos, o influenciador recebeu R$ 5 mil de presente de aniversário de seus pais e, em apenas uma semana, perdeu todo o dinheiro. Influenciado por filmes que assistia sobre o assunto, ele acabou investindo o dinheiro na bolsa de valores e perdeu tudo. Ele afirma que o fato serviu de "motivação" para estudar o mercado financeiro e ensinar a forma correta de investir, sem que cometessem o mesmo erro.

Além disso, também acredita que sua desenvoltura em frente às câmeras torna seu conteúdo mais acessível e com uma compreensão mais fácil para pessoas que querem começar a construir uma fortuna. O canal "O Primo Rico" no YouTube, que hoje conta com mais de 6 milhões de inscritos, foi criado em 2016 por incentivo de sua ex-mulher Camila Ferreira.

Apesar de Thiago acreditar que não iria conseguir falar com clareza na frente das câmeras, Camila enxergou a desenvoltura dele como algo favorável para se comunicar com o público através de vídeos.

Além do pioneirismo, a diversidade de assuntos também ajudou Nigro a se destacar. Ao contrário de outros influenciadores, ele não dá dicas apenas de investimentos na bolsa de valores, suas orientações vão de investimentos na previdência privada até criptomoedas.

Em 2019 o influenciador lançou o livro "Do Mil ao Milhão" e, apesar de não trazer nenhuma "fórmula mágica" e focar bastante no discurso motivacional, a obra se tornou um best-seller.