Conteúdo publicado há 1 mês

Agência: Musk pode estar maquiando dados para esconder prejuízo da SpaceX

O bilionário Elon Musk estaria maquiando dados financeiros para esconder prejuízo da SpaceX, empresa aeroespacial fundada pelo magnata, segundo fontes ouvidas pela agência de notícias Bloomberg.

O que aconteceu

Segundo a publicação, investidores descrevem a contabilidade da companhia de US$ 180 bilhões como "mais uma arte do que uma ciência". O "buraco negro" de suas finanças torna a análise da saúde financeira mais difícil.

A agência afirma que até mesmo um engenheiro da SpaceX precisou recorrer a um modelo de Excel para acompanhara a lucratividade. Tudo com base em estimativas boca a boca, conforme a reportagem.

Não há uma equipe de relações com investidores dedicada a analisar o dinheiro que entra e sai. E, pelo menos por enquanto, não há telefonemas tranquilizadores sobre operações comerciais após explosões de foguetes. Trecho de reportagem da agência Bloomberg

Recentemente, o terceiro voo de teste do megafoguete Starship da SpaceX — um foguete com 120 metros de altura— terminou com a perda da nave quando retornava à Terra. No ano passado outros dois foguetes já haviam explodidos.

A empresa de Elon Musk conta com Starship para atingir seu objetivo de levar a humanidade a Marte. A Nasa, agência espacial americana, também quer utilizá-lo para transportar seus astronautas à Lua durante a missão Artemis 3, em 2026.

Embora as queixas de investidores endinheirados sejam cada vez mais frequentes, a SpaceX —que é uma empresa de capital privado— não é obrigada a fazer a divulgação de seus dados financeiros publicamente. A Comissão de Valores Mobiliários dos EUA não regulamenta as empresas privadas.

Deixe seu comentário

Só para assinantes