PF investiga lavagem de dinheiro em exportação de máquinas agrícolas envolvendo empresas venezuelanas

(Reuters) - A Polícia Federal deflagrou operação nesta segunda-feira (11) no Rio Grande do Sul e em São Paulo para investigar suspeita de lavagem de dinheiro na exportação de máquinas e implementos agrícolas do Brasil para a Venezuela, com o envolvimento suspeito de uma estatal venezuelana e movimentação superior a R$ 200 milhões no período de 2010 a 2014, informou a PF.

Segundo as investigações, que foram iniciadas com base em procedimento de fiscalização da Receita Federal, empresas sediadas na Venezuela, incluindo a estatal, remeteram vultosos valores ao Brasil a pretexto de aquisição de equipamentos agrícolas, mas parte considerável do montante não foi destinada aos fabricantes e fornecedores e, em vez disso, foi remetida ao exterior.

"Algumas dessas transferências tiveram como beneficiárias pessoas jurídicas sediadas em paraísos fiscais. Parte dos recursos remetidos da estatal venezuelana para o Brasil seria fruto de crime", disse a PF em comunicado.

Agentes da PF cumprem mandados de busca e apreensão em Porto Alegre e nas cidades gaúchas de Canoas, Passo Fundo e Erechim, além de São Paulo e Americana (SP) como parte da chamada Operação Conexão Venezuela. Além disso, seis pessoas são alvo de condução coercitiva.

A Polícia Federal não identificou as empresas suspeitas de irregularidades.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos