PUBLICIDADE
IPCA
0,64 Set.2020
Topo

Exportação de petróleo dos EUA abocanha mercado de Rússia e Opep na Ásia

28/05/2018 16h28

CINGAPURA (Reuters) - Volumes recordes de petróleo exportado pelos Estados Unidos terão a Ásia como destino nos próximos meses, de modo a tirar outro pedaço do mercado da Rússia e dos produtores da Organização de Países Exportadores de Petróleo (Opep).

Os EUA exportarão 2,3 milhões de barris por dia (bpd) em junho, dos quais 1,3 milhão bpd serão destinados à Ásia, estimou um executivo sênior de uma importante exportadora norte-americana.

Dados da Administração de Informação de Energia mostram que as exportações de petróleo dos EUA tiveram um pico de 2,6 milhões bpd duas semanas atrás.

O volume recorde vem com a produção de petróleo norte-americana atingindo máximas históricas, pressionando os preços dos EUA para descontos de mais 9 dólares por barril ante os futuros do Brent nesta segunda-feira, o spread mais amplo em mais de três anos.

A diferença nas principais referências foi uma chance para as refinarias asiáticas reduzirem as importações de petróleo do Oriente Médio e da Rússia, depois que os preços do Brent e do Golfo Pérsico atingiram máximas de múltiplos anos, disseram operadores na Ásia.

"Estamos diversificando muito para outras regiões. Se a Saudi Aramco ainda não reduzir os preços no próximo mês e a ADNOC (Companhia Nacional de Petróleo de Abu Dhabi) seguir, aumentaremos nossas compras de petróleo dos EUA", disse um comprador de petróleo do Sudeste Asiático.

(Por Florence Tan; Reportagem adicional por Jessica Jaganathan, Promit Mukherjee e Chayut Setboonsarng)