ipca
0,48 Set.2018
selic
6,5 19.Set.2018
Topo

S&P 500 recua acompanhando queda de ações de chips e serviços

Noel Randewich

25/09/2018 19h08

O S&P 500 caiu nesta terça-feira à medida que as ações de fabricantes de chips foram prejudicadas por rebaixamentos de ratings e o setor de serviços recuou antes de uma esperada elevação de juros pelo Federal Reserve, compensando um impulso do setor de energia.

O índice Dow Jones caiu 0,26 por cento, a 26.492 pontos, enquanto o S&P 500 perdeu 0,130508 por cento, a 2.916 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq avançou 0,18 por cento, a 8.007 pontos.

As ações financeiras do S&P 500, incluindo ações de bancos sensíveis às taxas de juros, caíram 0,38 por cento antes de uma esperada alta de juros pelo Fed na quarta-feira.

O setor de serviços, que tende a ser favorecido em ambientes de baixa taxa de juros em função de seus sólidos pagamentos de dividendos, recuou 1,22 por cento.

Já o índice de energia do S&P 500 avançou 0,57 por cento ao passo que o petróleo Brent alcançou uma máxima de quatro anos, impulsionado por iminentes sanções dos EUA sobre exportações iranianas, e a relutância da Opep e da Rússia em elevar a produção.

A confiança do consumidor dos EUA subiu inesperadamente em setembro, aproximando-a de níveis vistos pela última vez em 2000, disse o Conference  Board, ressaltando a força no mercado de trabalho e na economia em geral.

Os dados levaram o índice de bens de consumo do S&P 500 para uma alta de 0,59 por cento.

"Todo o barulho ao redor de comércio e qualquer outra coisa ligada a política não suprimiu muito a confiança do consumidor ao grau que os outros fatores a têm impulsionado", disse Mike Dowdall, estrategista de investimentos da BMO Global Asset  Management.

Newsletters

Receba dicas para investir e fazer o seu dinheiro render.

Quero receber

Mais Economia