IPCA
0,1 Out.2019
Topo

Reforma da Previdência


Prioridade é instalar CCJ na próxima semana, diz vice-líder do governo

O deputado Darcísio Perondi (MDB-RS) - Zeca Ribeiro / Câmara dos Deputados
O deputado Darcísio Perondi (MDB-RS) Imagem: Zeca Ribeiro / Câmara dos Deputados

06/03/2019 17h46

BRASÍLIA (Reuters) - A prioridade é garantir a instalação na próxima semana da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara, a primeira por onde a reforma da Previdência vai tramitar, afirmou nesta quarta-feira (6) um dos vice-líderes do governo na Casa, deputado Darcísio Perondi (MDB-RS).

Segundo o deputado, a instalação do colegiado depende da indicação de membros por parte dos líderes de bancada. O vice-líder não descarta a possibilidade de a instalação ocorrer na semana seguinte.

"Os líderes estão sendo conclamados a indicar na segunda-feira 911) os membros da CCJ", disse Perondi à agência de notícias Reuters. "A prioridade maior é instalar na próxima semana a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ). Quanto mais rápido, melhor."

Perondi, que também ocupou posto na vice-liderança no governo do ex-presidente Michel Temer e participou das negociações da reforma da Previdência de então, calcula que a proposta possa encerrar seu rito na CCJ em aproximadamente 30 dias.

Uma vez instalada, a CCJ tem um prazo de cinco sessões para emitir um parecer sobre a admissibilidade da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) da reforma e devolvê-la à Mesa. Depois, a proposta segue a uma comissão especial e só então segue ao plenário, onde precisará de ao menos 308 votos favoráveis em dois turnos de votação.

Questionado sobre eventual adiamento da instalação da CCJ --não há por ora sessão convocada para a sua instalação porque ainda não foram indicados todos os componentes do colegiado--, o deputado afirmou que "vai depender dos líderes, mas se não for nesta semana, pode ser na outra".

Perondi afirmou, ainda, que o líder do governo, Major Vitor Hugo (PSL-GO), deve se encontrar com o presidente Jair Bolsonaro nesta semana para discutir o assunto.

A instalação da CCJ estava prevista, inicialmente para a semana anterior ao Carnaval, mas acabou sendo adiada para depois das festas.

(Reportagem de Maria Carolina Marcello) 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Reforma da Previdência