IPCA
0,51 Nov.2019
Topo

Criptomoedas menores sentem efeito de aumento de críticas à libra do Facebook

17/07/2019 17h13

Por Tom Wilson

LONDRES (Reuters) - O bitcoin não é a única vítima das crescentes críticas das principais potências econômicas do mundo ao projeto de criação de uma criptomoeda pelo Facebook, com outras moedas digitais também sentido pressão.

O bitcoin acumula queda de 30 por cento em relação ao pico em 18 meses atingido em junho, de cerca de 14 mil dólares, quando o Facebook revelou os planos para lançar a libra no ano que vem.

Um crescente coro de reguladores monetários e políticos dos Estados Unidos à Europa contrários ao projeto da rede social tem impactado também moedas como a Ethereum, que acumula desvalorização de quase 50%. A terceira maior moeda, XRP, mostra desvalorização de cerca de 40% e Litecoin e Bitcoin Cash recuam 40% e 42% respectivamente.

Nesta quarta-feira, os ministros de finanças do G7 lançaram uma série de dúvidas sobre a libra, insistindo que problemas regulatórios precisam ser resolvidos antes do lançamento da moeda.

O presidente do Banco do Japão afirmou que uma força-tarefa do G7 sobre criptomoedas como a libra provavelmente vai ser ampliada para incluir um leque de reguladores mais amplo, além do bloco.

"Quando as coisas vão bem, o bitcoin tende a ter uma performance melhor e quando vão mal, as moedas alternativas tendem a sofrer perdas maiores", disse Mati Greenspan, analista na eToro.

(Por Tom Wilson)

Economia