PUBLICIDADE
IPCA
+0,25 Jan.2021
Topo

Governo autoriza Golar Power a importar gás natural liquefeito da Argentina

07/02/2020 14h12

SÃO PAULO (Reuters) - Uma subsidiária da britânica Golar Power no Brasil recebeu autorização do governo para realizar importações de gás natural liquefeito (GNL) da Argentina, segundo despacho do Ministério de Minas e Energia no Diário Oficial da União desta sexta-feira.

O aval para as operações vem após a Golar ter revelado no final do ano passado planos de fornecer GNL para abastecimento de caminhões no Brasil, por meio de uma parceria com a empresa de logística Alliance GNLog.

De acordo com a autorização governamental, a Golar Power Distribuidora de Gás Natural poderá importar até 100 mil metros cúbicos/dia de GNL argentino por um período de dois anos, sendo que o insumo visará o atendimento a mercados potenciais no Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná e São Paulo.

A empresa prevê receber o insumo em base logística a ser instalada no Rio Grande do Sul, para posterior movimentação das cargas por transporte rodoviário.

A companhia ainda deverá apresentar à Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) os contratos principais de compra e venda (MSA, na sigla em inglês) com potenciais fornecedores do gás em prazo de até 15 dias após a assinatura.

A Golar Power, com sede em Londres, é uma joint venture entre a Golar LNG e o fundo de private equity Stonepeak.

A elétrica tem avançado em sua presença no Brasil nos últimos anos, com participações em uma grande termelétrica a GNL no Sergipe que está em fase de operação em testes e em um empreendimento de geração também a GNL que será construído no Pará.

(Por Luciano Costa)