PUBLICIDADE
IPCA
0,24 Ago.2020
Topo

Aversão a risco no exterior abre espaço para correção negativa do Ibovespa após sequência de altas

27/03/2020 10h21

Por Paula Arend Laier

SÃO PAULO (Reuters) - A bolsa paulista sinalizava uma sessão de correção nesta sexta-feira, após três pregões consecutivos de altas relevantes do Ibovespa, conforme os mercados permanecem voláteis no mundo refletindo dúvidas sobre a pandemia do novo coronavírus.

Às 10:12, o Ibovespa caía 4,13 %, a 74.496,77 pontos.

Até véspera, o Ibovespa subia quase 16% na semana, apoiado em recuperações técnicas e esforço global para a contenção dos efeitos da covid-19 nas economias.

Nesta sessão, contudo, os pregões na Europa e futuros acionários norte-americanos voltavam a refletir movimentos de aversão a risco em razão da pandemia do vírus. Os preços do petróleo no exterior também recuavam.

"O mercado começa a analisar os reais impactos dos pacotes de medidas aprovados para combater a pandemia, além disso, os EUA continuaram o avanço no número de infectados... passando China e Itália", citou a Terra Investimentos.

Para os analistas Régis Chinchila e Sandra Peres, o Ibovespa deverá manter sua forte volatilidade, acompanhando o mercado externo, conforme nota a clientes.

Nos Estados Unidos, a Câmara dos Deputados deve votar nesta sexta-feira o pacote de 2 trilhões de dólares em estímulos econômicos em resposta aos efeitos da pandemia.

Já parlamentares da União Europeia adiaram na quinta-feira em duas semanas o prazo para chegar a um acordo abrangente sobre um pacote de resgate econômico.

A Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) estimou nesta sexta-feira que cada mês que as principais economias passam em confinamento diminuirá em 2 pontos percentuais o crescimento anual.