PUBLICIDADE
IPCA
+0,93 Mar.2021
Topo

Preços ao produtor na China sobem em fevereiro no ritmo mais forte desde fim de 2018

10/03/2021 07h35

PEQUIM (Reuters) - Os preços nos portões das fábricas da China subiram em fevereiro no ritmo mais forte desde novembro de 2018 conforme a indústria correu para entregar as encomendas de exportação, levantando expectativas de um crescimento robusto na segunda maior economia do mundo em 2021.

O índice de preços ao produtor subiu 1,7% em relação ao ano anterior, mostraram dados da Agência Nacional de Estatísticas nesta quarta-feira, contra expectativa de alta de 1,5% em pesquisa da Reuters e acelerando de 0,3% em janeiro.

As exportações da China em fevereiro cresceram a um recorde de 154,9% em dólares na comparação com o ano anterior, quando o país estava paralisado durante o ápice da pandemia de Covid-19.

Enquanto os preços ao produtor ampliam a alta, a inflação ao consumidor permaneceu fraca, sugerindo contínua fraqueza da demanda das famílias, o que pesa sobre o crescimento econômico geral.

O índice de preços ao consumidor recuou 0,2% em fevereiro sobre o ano anterior, disse a agência de estatísticas, contra expectativa de queda de 0,4% em pesquisa da Reuters e recuo de 0,3% em janeiro.

"Não acreditamos que o recente período de deflação do preço ao consumidor deve persistir. Mudar os efeitos base do preço da carne suína elevará a inflação, o aperto do mercado de trabalho vai aumentar o núcleo da inflação e a inflação da energia vai se recuperar devido aos preços do petróleo", disse Julian Evans-Pritchard, economista sênior da Capital Economics, em nota.

(Reportagem de Gabriel Crossley)

((Tradução Redação São Paulo, 55 11 5047 2984)) REUTERS CMO