PUBLICIDADE
IPCA
1,06 Abr.2022
Topo

Venda de diesel avança 2% em janeiro no país; juntos, gasolina e etanol caem 12,7%

Gasolina, diesel, combustível, posto, abastecer - Getty Images/iStock
Gasolina, diesel, combustível, posto, abastecer Imagem: Getty Images/iStock

21/02/2022 16h11

Por Marta Nogueira

RIO DE JANEIRO (Reuters) - As vendas de diesel por distribuidoras no Brasil subiram 2,2% em janeiro ante o mesmo mês do ano passado, enquanto os combustíveis ciclo Otto (gasolina e etanol) recuaram 12,7%, apontaram dados da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) nesta segunda-feira.

O volume vendido de diesel, combustível mais comercializado do país, somou 4,62 bilhões de litros, mesmo diante de altos preços, na esteira dos ganhos do petróleo e do dólar frente ao real.

Já o volume de vendas de gasolina e etanol somou 4,27 bilhões de litros.

Em nota a clientes, o Goldman Sachs pontuou que a queda nos volumes dos combustíveis ciclo Otto foi decorrente de um forte recuo nas vendas do etanol, que continua mais caro que a gasolina, e maiores restrições de mobilidade como resultado do aumento de casos de Covid-19.

As vendas de gasolina cresceram 2,5% em janeiro ante um ano antes, para 3,26 bilhões de litros.

Já o etanol hidratado, seu concorrente direto nas vendas, recuou mais de 41%, para cerca de 1 bilhão de litros, na mesma comparação.

As vendas de óleo combustível, por sua vez, caíram 45% em janeiro ante um ano antes, para 158 milhões de litros, devido a uma queda da demanda de termelétricas diante das fortes chuvas que contribuíram com a recuperação de níveis de reservatórios de hidrelétricas, disse o Goldman.