IPCA
0,42 Fev.2024
Topo

BC da Argentina debaterá alta de juros, mas nenhuma decisão foi tomada, dizem fontes

20/04/2023 14h27

Por Eliana Raszewski e Jorge Otaola e Walter Bianchi

BUENOS AIRES (Reuters) - O conselho do banco central da Argentina debaterá um possível ajuste da taxa de juros em sua reunião semanal nesta quinta-feira, enquanto o país luta contra uma inflação anual de 104%, disseram quatro fontes próximas à instituição, embora nenhuma decisão tenha sido tomada ainda.

O conselho, que não incluiu uma discussão sobre a taxa na agenda da semana passada, discutirá um possível aumento da taxa de referência Leliq, atualmente em 78%, depois que a inflação de março chegou a 7,7% na última sexta-feira, o nível mais alto em mais de duas décadas.

"Será decidido na reunião de diretores hoje", disse uma fonte da instituição com conhecimento direto, que pediu para não ser identificada porque as discussões eram privadas e estão em andamento.

"Nenhuma decisão foi tomada ainda."

Uma segunda fonte, um consultor do banco central, disse que um ajuste na taxa de juros seria debatido e ela poderia ser aumentada.

Uma terceira fonte com conhecimento indireto disse que uma decisão sobre juros seria incluída na agenda. Uma quarta fonte do banco central disse que era "provável" ser incluída, mas não confirmou.

O banco central não respondeu a um pedido de comentário oficial.

Analistas preveem um aumento de 2 pontos percentuais, para 80%.