IPCA
0,42 Fev.2024
Topo

Secretário da Fazenda defende maior participação do mercado de seguros no crédito

20/04/2023 09h51

SÃO PAULO (Reuters) -O secretário de Reformas Econômicas do Ministério da Fazenda, Marcos Barbosa Pinto, afirmou nesta terça-feira que é preciso aumentar a participação do mercado de seguros no setor de crédito.

"O mercado de seguros é muito importante, é um grande financiador de investimentos nos mercados envolvidos e a gente ainda tem aqui no Brasil um mercado pequeno perto das nossas potencialidades", disse Barbosa Pinto em entrevista coletiva à imprensa para apresentar medidas de estímulo ao crédito e a Parcerias Público-Privadas (PPPs).

Segundo o secretário, "o setor bancário não é a única parte do sistema de crédito no Brasil", sendo os outros dois pilares importantes o mercado de capitais e o setor de seguros.

"A gente evoluiu muito no mercado de capitais... mas a gente não evoluiu na mesma medida no mercado de seguros", acrescentou Barbosa Pinto.

O secretário defendeu ainda uma maior competição no setor bancário brasileiro, que, segundo ele, é atualmente bastante concentrado e tem deficiências de atuação a nível regional.

"Ao permitir que mais instituições financeiras entrem nesse mercado também em nível regional, a gente vai aumentar a competição e vai atacar um dos principais elementos do spread bancário, que é a margem dos bancos. A competição é o melhor remédio para a gente conseguir reduzir o spread bancário no Brasil", afirmou Barbosa Pinto.

No total, o governo apresentou 13 medidas para estimular o setor de crédito e PPPs nesta quinta-feira. Segundo documento divulgado pelo Ministério da Fazenda, as medidas buscam reduzir custos operacionais, inadimplência e taxas de juros do crédito final aos consumidor.

(Reportagem de Eduardo Simões e Fernando CardosoTexto de Luana Maria Benedito e Camila MoreiraEdição Alberto Alerigi Jr.)