IPCA
0,46 Jun.2024
Topo

Chefe do FMI diz que mais vulnerabilidades no setor bancário podem ser expostas

01/05/2023 13h40

BEVERLY HILLS, Califórnia (Reuters) - A diretora-gerente do Fundo Monetário Internacional, Kristalina Georgieva, disse nesta segunda-feira que espera que mais fraquezas sejam expostas no setor bancário, apenas algumas horas após o JPMorgan Chase resgatar o First Republic Bank.

Falando na Conferência Global do Milken Institute de 2023, em Beverly Hills, Califórnia, Georgieva abordou imediatamente o maior tópico do dia; a crise bancária que tem enervado os investidores há semanas.

Ela disse que a rápida transição de taxas de juros baixas para muito mais altas desempenhou um papel na descoberta de fraquezas em certos bancos e acrescentou que a dor pode não ter acabado.

"Isso não significa que temos um passe livre", disse ela. "Isso não significa que não haveria mais vulnerabilidades por vir." Os investidores disseram à margem da conferência que estão preocupados com a possibilidade de mais dramas pela frente, já que os mercados podem ter como alvo outros bancos menores e vulneráveis.

Georgieva disse que o que chamou a atenção no último resgate foi a rapidez com que os depósitos se afastaram do First Republic, com sede em São Francisco, e disse que a velocidade se deve em parte ao poder das mídias sociais.

(Por Svea Herbst-Bayliss and Carolina Mandl)