IPCA
0,46 Jun.2024
Topo

CVM forma maioria para absolver irmãos Batista de acusação de insider trading

30/05/2023 10h35

SÃO PAULO (Reuters) - A Comissão de Valores Mobiliários formou maioria na véspera para absolver Joesley e Wesley Batista, controladores da holding J&F Investimentos, de acusações de uso de informação privilegiada por ocasião da delação premiada dos executivos no âmbito da operação Lava Jato.

Além dos irmãos, a CVM teve maioria de votos para absolvição da FB Participações. O caso remonta a 2017.

Os votos à favor dos executivos foram dados pelo relator, Otto Lobo, e pelos diretores da CVM, João Accioly, João Pedro Nascimento e Alexandre Rangel. A diretora Flávia Perlingeiro pediu vistas e a sessão foi suspensa.

Os executivos foram absolvidos em outros dois processos julgados pela CVM na véspera.

A CVM chegou a abrir em 2017 pelo menos quatro processos para investigar operações de câmbio e com ações da JBS realizadas pelos acusados antes do estouro do escândalo das delações premiadas que chegaram a envolver o ex-presidente Michel Temer.

(Por Alberto Alerigi Jr.)