FDIC da Casas Bahia vai captar R$600 mi em 1ª etapa

SÃO PAULO (Reuters) - A Casas Bahia anunciou nesta quarta-feira que a estruturação de fundo de investimento em direitos creditórios (FIDC) para otimizar a operação de crediário da companhia buscarará uma captação inicial de 600 milhões de reais.

De acordo com a varejista, o FIDC encontra-se em fase pré-operacional e após essa primeira captação poderá contar com aportes adicionais chegando até um capital total de 1,5 bilhão de reais.

A estruturação e gestão do instrumento está sendo conduzida pela Polígono Capital, com administração do BTG Pactual.

A companhia ressaltou que a efetiva estruturação do FIDC depende de certas aprovações, incluindo de acionistas, e condições políticas e macroeconômica nacionais e internacionais.

"Portanto, nesta data, não está sendo realizada qualquer oferta pública do FIDC e/ou de quaisquer valores mobiliários de emissão da Companhia em qualquer jurisdição", afirmou a empresa em fato relevante.

(Por Paula Arend Laier)

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes

As mais lidas agora