Petróleo sobe 3% por preocupações com oferta e paralisação de campo na Líbia

Por Scott DiSavino

NOVA YORK (Reuters) - Os preços do petróleo subiram mais de 3% nesta quarta-feira, depois que a paralisação do principal campo de petróleo da Líbia aumentou os receios de que as tensões no Oriente Médio pudessem reduzir o fornecimento global de petróleo.

Os futuros do petróleo Brent subiram 2,36 dólares, ou 3,11%, para 78,25 dólares, enquanto os futuros do petróleo West Texas Intermediate (WTI) dos EUA subiram 2,32 dólares, ou 3,30%, para 72,70 dólares.

Isso colocou ambos os contratos de referência em alta pela primeira vez em cinco dias.

Protestos forçaram o encerramento total da produção no campo de petróleo de Sharara, na Líbia, membro da Opep.

"A paralisação de Sharara certamente contribui para a alta dos preços, especialmente do Brent", disse Viktor Katona, da empresa de análise de energia Kpler, que avaliou a interrupção como provavelmente de curta duração.

Os preços do petróleo também subiram devido aos contínuos ataques a navios no Mar Vermelho por combatentes houthi.

O grupo apoiado pelo Irã no Iêmen disse ter como "alvo" um navio porta-contêineres com destino a Israel, um dia depois de o Comando Central dos EUA (CENTCOM) ter dito que os houthis dispararam dois mísseis no sul do Mar Vermelho.

(Reportagem de Scott DiSavino, Noah Brownning, Natalie Grover, Trixie Yap e Laura Sanicola)

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes