Ainda é cedo demais para dizer que o pouso suave dos EUA está garantido, diz Barr, do Fed

WASHINGTON (Reuters) - Ainda é cedo demais para ter certeza de que os Estados Unidos terão um pouso suave após seu surto de inflação alta, com o Federal Reserve enfrentando julgamentos difíceis sobre por quanto tempo manter o nível atual de sua taxa de juros, disse o vice-presidente de supervisão do Fed, Michael Barr, nesta quarta-feira.

Com os recentes dados de emprego e inflação mais fortes do que o esperado, "eu seria muito cuidadoso sobre onde estamos" na luta para domar a inflação alta sem um golpe significativo no emprego e no crescimento econômico, disse Barr em comentários em uma conferência da Associação Nacional de Economia Empresarial.

"É um conjunto de julgamentos difícil de fazer no contexto atual porque não há paralelos históricos claros."