BC é técnico e confio que trabalho seguirá técnico com novo presidente, diz Campos Neto

BRASÍLIA (Reuters) - O presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, afirmou, em entrevista ao jornal O Estado de S. Paulo, que tem confiança de que o trabalho da autoridade monetária é técnico e seguirá assim após o término de seu mandato e posse do novo presidente da autarquia no próximo ano.

"O Banco Central é técnico, tem corpo técnico muito bom. Tenho plena confiança de que o trabalho seguirá sendo técnico”, disse.

Na entrevista, ele voltou a defender que o governo indique o nome de seu sucessor com tempo para o Senado fazer a sabatina e aprovação do nome até novembro. E voltou a dizer que um presidente do BC precisa saber "dizer não" quando necessário.