Justiça eleitoral determina afastamento de governadora do RN

O Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte (TRE-RN) determinou nesta terça-feira o afastamento da governadora Rosalba Ciarlini (DEM). Os juízes alegaram abuso de poder político e econômico por parte da governadora durante as eleições municipais do ano passado.

Única governadora do DEM no país, Rosalba é acusada de ter abusado do poder ao viajar dezenas de vezes ao município de Mossoró, no interior do Estado, para apoiar a campanha da prefeita Cláudia Regina (DEM), que foi afastada do cargo na semana passada, também sob acusação de abuso de poder.

No caso da governadora, o afastamento só deve ocorrer após a publicação do acórdão da decisão, o que deve ocorrer em três dias. Procurada, a assessoria de Rosalba informou que os advogados da governadora vão se manifestar por nota nas próximas horas.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos