Temer dá prioridade no MCMV para famílias com filhos com microcefalia

Famílias com filhos portadores de microcefalia entrarão na lista de prioridades do programa Minha Casa Minha Vida (MCMV), do Ministério das Cidades, anunciou o presidente interino Michel Temer. O anúncio, com forte apelo social - principalmente no Nordeste, que concentra a maioria das notificações de microcefalia - ocorre a dois meses e meio das eleições municipais.

Em solenidade no Palácio do Planalto, Temer disse valorizar os programas sociais e também que vai avançar nos "pormenores" de cada um. Ele ressaltou que a grande maioria das mães que têm filhos com microcefalia são beneficiárias do Bolsa Família. "É um detalhe importantíssimo, privilegiar essas mães com filhos portadores de microcefalia", ressaltou.

O interino observou que a ideia surgiu da reunião dos ministros que fazem parte do "núcleo social", que reúne os ministérios das Cidades, da Saúde, da Educação e do Desenvolvimento Social. "Esse formato dos núcleos facilita a troca de ideias", observou.

O ministro das Cidades, Bruno Araújo, explicou que existem 200 mil unidades do MCMV que ainda não foram entregues e estão reservadas para os beneficiários que constam da lista de prioridades. Agora, as famílias com filhos com microcefalia fazem parte dessa relação, ou seja, estão dispensadas do sorteio.

Segundo Araújo, a maior concentração de casos ocorre no Nordeste. Ele ressaltou que, nesse momento, existem 8.451 casos notificados.

Também participaram da solenidade os ministros da Saúde, Ricardo Barros, e do Desenvolvimento Social, Osmar Terra.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos