Bolsas

Câmbio

BM&FBovespa reverte lucro e tem perda de R$ 114,4 milhões no trimestre

A BM&FBovespa registrou um prejuízo de R$ 114,4 milhões no segundo trimestre deste ano. Em igual período de 2015, a bolsa teve um lucro de R$ 318 milhões.

De acordo com a companhia, dois fatores extraordinários levaram ao prejuízo. Um deles é a venda das ações do CME Group, que gerou um resultado negativo de R$ 572,8 milhões por causa da variação no preço dos papéis da companhia, da variação cambial e dos impostos incidentes na transação. Dessa cifra, R$ 460,5 milhões não têm efeito caixa.

As despesas com a fusão com a Cetip também contribuíram para gerar perda para a bolsa. Antes de impostos, esses gastos somaram R$ 47,8 milhões. A transação que unirá BM&FBovespa e Cetip está sob análise do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade).

A exclusão desses itens levaria a BM&FBovespa a um lucro líquido de R$ 496,8 milhões.

As receitas totais somaram R$ 637,9 milhões no segundo trimestre, com alta de 3,7% em relação a igual período do ano passado.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos