Bolsas

Câmbio

Trump usa Twitter para criticar protestos e comemorar audiência na TV

(Atualizada às 14h20) O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, criticou os manifestantes que lotaram as ruas de Washington e de centenas de cidades americanas para protestar pelos direitos civis e contrariamente à sua eleição, perguntando se eles não tinham votado. Em seguida, ele disse que, mesmo não concordando com os manifestantes, eles têm o direito de protestar.

As duas mensagens contraditórias foram publicadas na conta de Trump no twitter. Primeiro, ele questionou se os manifestantes não haviam votado. "Eu vi os protestos, ontem, mas a minha impressão é que tivemos uma eleição. Por que essas pessoas não votaram?", questionou.

Em seguida, Trump escreveu que "protestos pacíficos são uma marca registrada de nossa democracia". "Mesmo que eu não concorde, eu reconheço o direito de as pessoas de expressarem as suas visões."

Em outra mensagem, Trump comemora a audiência de posse na TV que, segundo ele cita, teria registrado 31 milhões de telespectadores.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos