Bolsas

Câmbio

Parente: Conteúdo local não deve viciar indústria em reservar mercado

O presidente da Petrobras, Pedro Parente, disse nesta quarta-feira (22) que a revisão das exigências de conteúdo local para a 14ª Rodada é um fato a ser comemorado pela indústria.


Durante evento sobre conteúdo local no Instituto Brasileiro de Petróleo (IBP), no Rio, Parente destacou que Libra, no pré-sal da Bacia de Santos, deve demandar investimentos vultuosos, de US$ 5,5 bilhões nos próximos cinco anos, e que o consórcio responsável pelo projeto não pode ser punido por custos e prazos excessivos, praticados pelos fornecedores nacionais.


Parente criticou as regras anteriores, consideradas incompatíveis com a capacidade de fornecimento da indústria brasileira, e que a prática de multas pelo não cumprimento dos índices de nacionalização que deveriam ser uma "ponderação da exigência", na avaliação do executivo, viraram um "fim em si mesmas" .


"O governo reviu a política de conteúdo local para a 14ª Rodada. Além de ter saído do critério de julgamento das propostas, ela é mais compatível e factível com a capacidade da indústria brasileira. Com percentuais mais factíveis", disse Parente.


No evento, Parente rebateu, ainda, as críticas feitas à revisão da política de nacionalização anunciada pelo governo. O dirigente da estatal afirmou que, pior do que uma "política supostamente ruim, mas que gera contratos para o país", é uma política que "não gera contrato nenhum, que é a situação que vivemos".


O presidente da Petrobras defendeu ainda a necessidade de uma política de conteúdo local que "emancipe a indústria nacional, ao invés de fazê-la viciada numa reserva de mercado". E destacou que o país precisa trabalhar para eliminar todos os entraves a investimentos.


"Investir, empreender, produzir, enfim, fazer negócios no Brasil é uma corrida de obstáculos. Entraves ambientais, tributários e trabalhistas tornam hostil fazer negócios no Brasil. Somos a favor da eliminação geral dos entraves", disse.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos