Bolsas

Câmbio

Vendas do Carrefour avançam no Brasil e no mundo no 1º tri

O varejista francês Carrefour registrou


vendas de 21,3 bilhões de euros no primeiro trimestre, alta de 6,2%, na comparação anual.


Segundo a companhia, o resultado foi beneficiado pelo câmbio favorável, com destaque para a valorização do real, gerando efeito positivo de 3,9% no resultado. A companhia também registrou efeito positivo da cotação do petróleo, que compensou as perdas registradas pela Páscoa acontecer no segundo trimestre.


As vendas no Brasil somaram 3,7 bilhões de euros de janeiro a março, alta de 37,6%, em relação ao mesmo período de 2016.


"No Brasil, a implantação do modelo multiformato do Carrefour continua a dar frutos em um ambiente marcado por alto desemprego e uma desaceleração da inflação no primeiro trimestre", informa a companhia em comunicado. "O sucesso do Carrefour no país reflete a contínua progressão do Atacadão e dos hipermercados, bem como aberturas de lojas de conveniência sob a bandeira Express."


Na Ásia, no entanto, o Carrefour registrou contração de 4,1% nas vendas, para 2 bilhões de euros, com destaque para o recuo de 8,6% do faturamento na China.


Em moeda constante, as vendas globais da varejista avançaram 2,3% e as do Brasil subiram 7,4%.


Depois do resultado, a companhia manteve a meta de crescimento entre 3% e 5% para as vendas em moeda constante em 2017.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos