Bolsas

Câmbio

Dólar fecha em leve alta com mercado à espera de catalisador

O feriado nos EUA tirou liquidez do mercado de câmbio brasileiro e desestimulou movimentações mais intensas no dólar. No fechamento desta segunda-feira, a moeda americana teve variação positiva de 0,11%, a R$ 3,2689.


No mercado futuro, em que as operações se encerram às 18h, o dólar para junho - que expira na próxima quinta-feira - tinha alta também de 0,11%, a R$ 3,2660.


Pouco mais de 122 mil contratos foram negociados para esse vencimento, mesmo a dois dias da definição da Ptax de maio - evento que eleva o volume do mercado já dias antes.


O dólar tem operado entre R$ 3,25 e R$ 3,30 desde o começo da semana passada, após superar R$ 3,40 no dia 18, afetado pela escalada da crise política. As poucas variações dos últimos dias derrubaram a volatilidade histórica de curto prazo, que disparou nos dias 18 e 19, quando as oscilações foram extremas após publicação de notícias sobre a delação dos irmãos Batista, da JBS, que trouxe acusações ao presidente Michel Temer.


Menos vaivém



Taxa de câmbio e volatilidade*



Fonte: Valor PRO.


Observações: * Em % ao ano.



No mercado, o entendimento é que a expectativa de reformas mais demoradas deve manter o dólar em patamares mais elevados. Surpresas com o andamento das medidas fiscais, porém, ajudariam a devolver a moeda para mais perto de R$ 3,20 ou R$ 3,15. O patamar em torno de R$ 3,10 ou abaixo dele, porém, deve ainda demorar a ser rompido, já que o cenário-base de boa parte do mercado já não contempla votação da reforma da Previdência na Câmara dos Deputados no mês de junho.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos