Bolsas

Câmbio

Ibovespa encerra semana em queda de 0,57% com incerteza política

Ainda pautado pela presença das incertezas políticas locais, o Ibovespa fechou a segunda semana de abril no campo negativo, depois de sucessivos pregões com um desempenho "morno". No encerramento de hoje, o índice caiu 1,30%, aos 84.334 pontos; na semana, a baixa é de 0,57% e, no mês, o recuo já é de 1,21%. O giro financeiro hoje foi de R$ 8,2 bilhões.

O movimento na semana foi na contramão das bolsas globais, que encerram o período no azul, embora tenham passado por uma realização de lucros hoje. O recuo de hoje das bolsas americanas representou um motivo adicional para o Ibovespa também cair, com investidores preferindo não deixar posições em aberto no fim de semana, quando novos desdobramentos políticos internos podem acontecer.

Operadores ainda mencionam que, sem catalisadores na frente política que justifiquem novas compras no momento, o Ibovespa segue apresentando um comportamento "travado" e sem força para superar o nível dos 85 mil pontos. E, além disso, ganha força no mercado a dúvida sobre o ritmo ainda muito gradual da recuperação da atividade, após uma sequência de indicadores macroeconômicos sem grande ânimo nesta semana.

Na abertura por ações, a maior alta do dia foi o Pão de Açúcar, com avanço de 3,50%. Entre os investidores, perdurou a leitura de que os resultados das vendas do primeiro trimestre foram muito melhores do que o Carrefour, a despeito do reflexo negativo que a inflação de alimentos mais baixa possa ter.

Na outra ponta, a BRF foi mais uma vez um destaque negativo, com baixa de 4,58%, ainda diante do imbróglio envolvendo os fundos de pensão Petros e Previ, acionistas da companhia, e o empresário Abilio Diniz.

Entre outras ações de relevância para o movimento da bolsa, as blue chips Petrobras ON (-2,71%), Petrobras PN (-2,21%), Itaú Unibanco PN (-2,32%) também foram responsáveis pelo Ibovespa sustentar as perdas hoje. Já a Vale ON, na contramão, subiu 0,38%.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos