Av. Paulista fechada aos domingos faz bar de petisco carioca abrir filial

Márcia Rodrigues

Colaboração para o UOL, em São Paulo

O fechamento da avenida Paulista, na região central de São Paulo, aos domingos, levou o tradicional boteco Pirajá a abrir uma nova unidade na região. O bar é conhecido por seus petiscos inspirados na culinária carioca, como bolinhos de arroz com camarão e de abóbora com carne seca. 

"Temos um público cativo na região e já estávamos estudando a abertura de uma unidade por lá. Com o fechamento, nós começamos a ver os pontos, encontramos um legal e abrimos o bar no mês passado", diz Ricardo Garrido, 46, sócio da Companhia Tradicional do Comércio, dona da marca.

O primeiro boteco Pirajá foi aberto, em 1998, na avenida Brigadeiro Faria Lima, em Pinheiros, bairro da zona oeste da capital. De acordo com ele, a unidade de Pinheiros recebe, em média, 12 mil pessoas por mês. A expectativa é que o boteco da região da av. Paulista atinja a marca de 10 mil.

A rede também vai inaugurar um bar no Shopping Eldorado, na zona oeste, até o fim do ano. "O Pirajá não sofreu com a crise, por isso focamos a expansão do grupo nele. No entanto, estamos selecionando os nossos novos projetos com cautela."

A Companhia Tradicional do Comércio também é dona das marcas Original, Bar Astor Cozinha Boêmia, Bráz Pizzaria e Trattoria, Lanchonete da Cidade e  ICI Brasserie. A empresa não revela o investimento para a abertura das novas unidades, nem faturamento e lucro.

Paulista tem oito pratos diferentes

Garrido diz que o cardápio da unidade da região da av. Paulista ganhou oito novidades de petiscos. "Se eles fizerem sucesso com o público vamos começar a servi-los, também, nos demais bares.''

Antônio Rodrigues/Divulgação
A alheira no palito é uma das novidades do cardápio do boteco Pirajá

Entre pratos e petiscos do Pirajá, o mais barato é a empadinha (R$ 9), servida em diversos sabores. O mais caro é o bacalhau para duas pessoas (R$ 95), feito com bacalhau em postas com batata, tomate, grão de bico, pimentão, ovo cozido e azeitonas pretas. A opção para uma pessoa custa R$ 55.

Segundo Garrido, os carros-chefes da empresa são a casquinha da Portela, bolinho de arroz com recheio de camarão (R$ 30), e o bolinho carioca, feito com abóbora e carne seca (R$ 27). Das bebidas, a mais pedida é a caipirinha "A Nega é Minha e Ninguém Tasca", feita com rapadura e limões taiti e siciliano (R$ 21).

Antônio Rodrigues/Divulgação
A porção com seis croquetes de costela custa R$ 31 e é uma das especialidades do bar

Opção de boteco em shoppings

A unidade do Shopping Eldorado será a terceira que a empresa abrirá em um centro de compras. A primeira foi inaugurada no Shopping Morumbi, na zona sul, no começo de 2014. "A direção do shopping nos procurou para propor a abertura do bar porque eles sentiam falta de um boteco para o público frequentar depois do horário de trabalho. "

De acordo com Garrido, com o sucesso da unidade do Morumbi, a direção do Shopping Iguatemi Alphaville, localizado em Barueri (30 km a oeste de São Paulo), também procurou os empresários com a mesma proposta. O boteco foi aberto no fim de 2014.

Antônio Rodrigues/Divulgação
A decoração do bar da região da Paulista segue o padrão da rede

Desafio é manter padrão do boteco

Segundo Guto Ferreira, especialista em empreendedorismo, o maior desafio de um boteco já consagrado é mostrar ao público que a nova unidade vai oferecer os mesmos produtos e serviços que ele já conhece.

"Quem frequenta um boteco o considera como um lugar único. Ele se identifica com o ambiente, com os pratos que ele oferece e se sente muito à vontade lá. Os proprietários devem transmitir a confiança de que tudo será igual em qualquer um dos bares da rede."

Ferreira cita como exemplo a rede Outback. "Quando você entra em um restaurante do Outback você percebe que todos oferecem o mesmo cardápio e atendimento. Não importa o país. Isso é visto com bons olhos por todos os clientes."

Onde encontrar

Pirajá: http://www.piraja.com.br/

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos