Bolsas

Câmbio

Cerveja e doces à vontade e sair mais cedo às sextas: quer trabalhar assim?

Thâmara Kaoru

Do UOL, em São Paulo

  • Divulgação

    No escritório do Google, em São Paulo, funcionários podem comer à vontade

    No escritório do Google, em São Paulo, funcionários podem comer à vontade

Já pensou em sair mais cedo às sextas-feiras, ter cerveja e chocolate à vontade, ter uma sala aconchegante para cochilar no meio do expediente ou viajar de graça? É isso que empresas como Mars, Movile, Google e Latam oferecem de benefícios extras aos seus funcionários.

Benefícios tradicionais, como vale-refeição e plano de saúde, já são esperados pelos funcionários, segundo Luciana Caletti, CEO do Love Mondays, site de avaliação de empresas.

"Grande parte das empresas paga plano de saúde, por exemplo. Se a empresa não dá esse benefício, ela gera insatisfação. Agora, se oferece, só cumpre a expectativa do funcionário", disse. "Nos benefícios diferentes, o profissional não tem essa expectativa. Ele jamais pensava que poderia levar o cachorro para o escritório. Então, quando ele descobre que é possível, isso gera satisfação e alegria."

Não quer dizer que o plano de saúde é menos importante. Porém, a surpresa de ter algo diferente traz um entusiasmo maior.

Funcionários mais produtivos

Oferecer benefícios além dos tradicionais faz com que os funcionários trabalhem melhor, segundo Caletti. "Essas oportunidades de lazer acabam incentivando mais a produtividade, com momentos de descontração e conexão entre as equipes que talvez não conversariam tanto. Os funcionários acabam ficando mais motivados, felizes e produtivos."

Porém, a especialista afirma que as empresas devem fazer uma avaliação para saber se conseguem sustentar o benefício. "Os funcionários acabam se acostumando com aquilo. Tenho que pensar se vou ser capaz de manter financeiramente aquele benefício ao longo dos anos."

Confira o que empresas oferecem de diferente e são de dar inveja:

LinkedIn

Divulgação

Funcionários do LinkedIn, rede social profissional, podem gastar R$ 4.000 por ano com bem-estar (massagens, spa e academia, por exemplo). Quem quiser pode agendar massagem e manicure no próprio escritório. Aulas de meditação também são fornecidas duas vezes por semana. Para os estudos, a empresa oferece R$ 12 mil por ano, que podem ser usados em cursos de idiomas ou de especialização.

Além disso, a copa com comidas e bebidas é liberada. Os funcionários encontram sanduíches, frutas, café, castanhas e chocolates, por exemplo.

"Os benefícios agradam muito. Você percebe que o ambiente fica mais leve e as pessoas ficam mais felizes", diz Alexandre Ullmann, diretor de RH do LinkedIn para América Latina.

Mars (M&M's, Snickers e Royal Canin)

Divulgação

Além de poder comer M&M's, Twix e Snickers à vontade, quem é funcionário da Mars (que também é dona da Pedigree, Royal Canin e Whiskas) pode levar o pet ao trabalho. São permitidos três animais da mesma espécie por dia em cada escritório. É preciso que o bichinho de estimação tenha pelo menos seis meses de idade, seja socializado e esteja com as vacinas em dia. Para a visita, basta fazer um agendamento.

Divulgação

Ana Cristina Pinheiro, 33, é gerente de produto da Mars para a marca Royal Canin e leva para o trabalho Joia, sua Yorkshire de seis anos, de duas a três vezes por semana. "O fato de ela estar aqui traz mais interação entre as pessoas. Às vezes, alguém que você nem tem tanto contato se interessa pelo seu pet. O ambiente fica mais descontraído."

Outros benefícios oferecidos são: direito a folga no aniversário e sair mais cedo às sextas-feiras. A empresa também tem sala de jogos.

Diageo (Johnnie Walker, Smirnoff e Ypióca)

Divulgação

Quem trabalha na Diageo, dona de marcas como Johnnie Walker, Smirnoff e Ypióca, pode escolher chegar no escritório entre 7h e 10h, e trabalhar de quatro a seis horas às sextas-feiras. Os funcionários têm café da manhã e da tarde todos os dias com croissants recheados, pão de queijo, sanduíches, bolos, sucos, cookies e mousse, por exemplo. Quando fazem aniversário, eles podem tirar uma folga.

A empresa oferece, ainda, R$ 150 por mês para gastar com atividades voltadas para ao bem-estar. A empresa também tem um bar em um dos andares do escritório, utilizado após reuniões com o time de liderança ou eventos especiais para os funcionários.

Movile (iFood)

Divulgação

Na Movile, empresa que desenvolve e investe em aplicativos de entrega de comida e logística e que tem participação no iFood, a cerveja é liberada todos os dias, mas a empresa garante que os funcionários sabem usar esse benefício com responsabilidade.

Também dá folga para os aniversariantes e deixa a geladeira abastecida para o café da manhã e da tarde. Dá para encontrar café, leite, chá, pães, frutas, frios, sucos, vitaminas e iogurte, por exemplo. A empresa oferece, ainda, um valor de R$ 70 para o funcionário personalizar sua mesa de trabalho.

Latam

Reprodução/Airway/UOL

Após seis meses de casa, os funcionários da companhia aérea Latam passam a contar com cotas anuais de passagens aéreas. É possível viajar de graça na primeira viagem, ter 90% de desconto na segunda e 50% na terceira. A cota pode ser usada em qualquer uma das rotas da companhia. Os funcionários também trabalham apenas meio período às sextas-feiras.

Google

Divulgação

Para quem acabou de virar pai ou mãe, o Google oferece um auxílio chamado "Baby Bonding Benefit": uma verba para gastar com serviços como lavanderia, limpeza, jardinagem e alimentação. Segundo a empresa, a proposta é que os pais possam curtir o bebê sem preocupações. O valor do auxílio não foi informado.

O Google também oferece café da manhã, almoço e lanche da tarde para seus funcionários, além de cozinhas onde é possível escolher frutas, bebidas e petiscos durante o expediente. O escritório também tem espaços para ioga, corrida, meditação e até para tirar um cochilo.

Buscapé

Divulgação

Os funcionários do site de busca Buscapé podem fazer aula de idiomas durante o expediente, tirar o dia de folga no aniversário e sair mais cedo às sextas-feiras. A empresa fornece, ainda, sala de leitura e um espaço com videogame, mesa de bilhar, tênis de mesa, pebolim e instrumentos musicais. Frutas também ficam disponíveis, à vontade.

Itaú Unibanco

Divulgação

Quem é contratado pelo Itaú Unibanco tem um dia de folga por ano na data em que escolher. Para funcionárias que estão voltando da licença maternidade, a jornada de trabalho é reduzida em duas horas durante um mês. Funcionários e seus familiares também podem utilizar um programa de apoio pessoal por telefone que dá assistência em questões psicológicas, nutricionais, jurídicas e de orientação financeira.

A empresa também tem o Itaú Unibanco Clube, com unidades em Itanhaém (106 km de São Paulo), São Sebastião (191 km de São Paulo) e Guarapiranga (zona sul de São Paulo). Funcionários e dependentes podem usar piscina, represa, playground e biblioteca sem custo. A hospedagem e comida são pagas.

Coca-cola

Divulgação

Funcionários da Coca-Cola Femsa Brasil da unidade corporativa Jurubatuba, na zona sul de São Paulo, podem sair mais cedo às sextas-feiras e quando fazem aniversário. Se completarem mais um ano de vida no final de semana ou em um feriado, a jornada menor fica para o dia útil anterior. No mês de aniversário, o funcionário ganha seis garrafas de 2 litros de refrigerante. É possível tirar folga duas vezes ao ano para resolver assuntos pessoais.

Melhor trabalho do mundo? Fantasiado, tratador virar 'baba?' de pandas

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos