Bolsas

Câmbio

A família vai aumentar? Guia dá dicas para pais organizarem as finanças

Do UOL, em São Paulo

Roupinhas lavadas e guardadas, berço arrumado, quarto decorado. A chegada de um bebê requer muito planejamento, e um dos mais importantes é o financeiro. Nesta sexta-feira (6), a Serasa lança um guia com dicas para ajudar na organização das finanças das famílias que vão aumentar em breve.

Entre os temas abordados no serviço, feito em parceria com a Associação Viver Bem, estão gastos do cartão de crédito, empréstimo e compras.

"A educação financeira passada de pai para filho é o caminho mais seguro para minimizar os altos índices de inadimplência no país", diz a diretora do SerasaConsumidor, Fernanda Monnerat.

No site, também é possível conferir exemplos de quanto custa criar um filho no Brasil --pode chegar a R$ 2 milhões em até 23 anos, segundo estudo do Invent (Instituto Nacional de Vendas e Trade Marketing).

O guia completo pode ser acessado gratuitamente no site da Serasa: http://zip.net/bvtfK1 (link encurtado e seguro).

Veja algumas dicas do guia:

Getty Images
Getty Images

Planeje as compras

Faça as contas e veja em qual estação do ano está previsto o nascimento do bebê. Dessa maneira, você pode priorizar as roupas mais apropriadas para ele, sem exageros.
Getty Images
Getty Images

Teste antes

Se for comprar produtos como fraldas e pomadas para assaduras, só faça em grande quantidade depois de o nenê nascer. Assim, você consegue testar os produtos para saber se ele não terá alergias e evitará grandes prejuízos.
Getty Images
Getty Images

Aproveite as roupas

Se não se importar, aceite se algum conhecido quiser doar roupas para você. Provavelmente elas podem estar em perfeito estado, já que os bebês usam muito pouco as roupas no começo. O mesmo vale para produtos como carrinho, berço, entre outros.
Thalita Castanha/Divulgação
Thalita Castanha/Divulgação

Cuidado com as festas

Se for fazer um chá de bebê ou de fraldas, avalie antes se não vai gastar mais com a festa do que gastaria ao comprar os mesmos produtos. Pode valer mais a pena fazer uma simples reunião com a família e amigos mais próximos.
Thinkstock
Thinkstock

Evite compras por impulso

Na hora das compras, segure a empolgação. É imensa a variedade de produtos para bebê e certamente você vai querer comprar de tudo. Pense com cuidado e reflita se realmente está investindo em algo útil para o seu filho.
iStock
iStock

Escolha bem

Lembre-se de que o bebê cresce rapidamente. Por isso, procure roupas que sejam fáceis de ajustar. Você já deve ter ouvido falar de alguém que doou várias roupas de bebê sem uso.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos