IPCA
0,83 Abr.2024
Topo

Raízen (RAIZ4) encolhe lucro em quase 80%, para R$ 256 milhões

15/02/2023 04h33

A Raízen (RAIZ4) anotou lucro líquido ajustado de R$ 256 milhões no quarto trimestre de 2022 (4T22) do ano fiscal de 2022 ou terceiro trimestre de seu ano-safra 2022-2023 (3T23). O resultado trimestral foi divulgado no fim desta terça-feira (15) pela companhia, em documento arquivado na Comissão de Valores Mobiliários (CVM).

O lucro da Raízen, assim, mostra uma queda de 79% em relação a igual etapa do ano anterior, quando teve R$ 1,22 bilhão em lucro.

No mesmo sentido os lucros antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda, na sigla em inglês) ajustado da empresa caiu 11,8%, saindo de R$ 3,36 bilhões para R$ 2,96 bilhões.

A receita líquida, por sua vez, cresceu 9% para R$ 66,36 bilhões no período. Já o lucro bruto caiu 16% para atuais R$ 3,48 bilhões.

O consenso Bloomberg esperava R$ 626 milhões de lucro líquido para a empresa no 4T22. Contudo, a Raízen superou as expectativas para as projeções de receita líquida e Ebitda, que eram de R$ 47,2 bilhões e R$ 2,02 bilhões, respectivamente.

“O período foi marcado pela expansão da receita líquida, resultado dos maiores volumes comercializados, dos avanços na cadeia de valor do açúcar e etanol vendido com prêmio sobre os preços locais, além da forte expansão da base de clientes no segmento de energia, que já conta com mais de 24 mil unidades consumidoras”, diz a gestão da Raízen.

Em termos de endividamento, a companhia fechou o período com uma alavancagem (razão entre dívida líquida e Ebitda) de 2,5x. Esse patamar representa um aumento em relação aos 1,7x registrados em igual etapa do ano anterior.

“O EBITDA Ajustado foi impactado pelo menor resultado nos negócios de Marketing & Serviços Brasil e Açúcar, na comparação com mesmo período do ano passado. O indicador de dívida líquida/EBITDA Ajustado foi de 2,5x, refletindo o maior saldo de dívida líquida, em linha com a sazonalidade da safra e ciclo de investimentos em projetos”, segue, em comunicado.

No agregado do ano safra, a Raízen mostra R$ 1,34 bilhão de lucro líquido ajustado, R$ 9,37 bilhões de Ebitda e R$ 190,8 bilhões de receita líquida.

Performance da Raízen

Conforme dados atualizados do Status Invest, as ações RAIZ4 somam uma queda de 53% nos últimos 12 meses, para uma cotação atual de R$ 2,98 – preço de fechamento de terça-feira (15), antes da divulgação do balanço.

No período, a Raízen pagou R$ 0,148 em dividendos por ação preferencial, mostrando um dividend yield (DY) de cerca de 5%.