Bolsas

Câmbio

Wall Street fecha em baixa uma semana de incertezas

Nova York, 17 Jun 2016 (AFP) - Wall Street fechou em baixa nesta sexta-feira, após uma semana de recuos por incertezas locais e mundiais, como a eventual ruptura britânica com a UE: o Dow Jones caiu 0,33% e o Nasdaq 0,92%.

O índice industrial Dow Jones caiu 57,94 pontos, a 17.675,16 unidades enquanto o tecnológico Nasdaq recuou com a queda nas ações da Apple, a 44,58 pontos e 4.800,34 unidades. O índice ampliado S&P 500 teve queda de 6,77 pontos (0,33%), a 2.071,22 unidades.

As ações da Apple caíram 2,3% após uma proibição de vender iPhones em Pequim, porque, de acordo com as autoridades chinesas, a empresa americana viola patentes de uma fabricante da China.

A queda nos índices de Nova York nesta sexta-feira está em parte vinculada com a liquidação de diversos papéis que venciam hoje, explicou Peter Cardillo, economista-chefe da First Standard Financial.

Wall Street se distinguiu de outras grandes Bolsas mundiais, que em sua maioria fecharam em alta. Sua baixa, contudo, foi atenuada, diante da incerteza que prevalece a seis dias do referendo que decidirá se o Reino Unido permanecerá na UE. Essa inquietude se soma à permanente preocupação pelo lento crescimento da economia mundial.

"Os investidores estão muito preocupados com o crescimento mundial e estão nervosos pela possibilidade de uma Brexit", disse Alan Skrainka, da Cornerstone Wealth Management.

No mercado de títulos, às 20H20 GMT (17H20 horário de Brasília), o rendimento dos bônus do Tesouro a 10 anos subiu a 1,607% contra 1,576% de quinta-feira. E o dos bônus a 30 anos caiu de 2,398% para 2,419%.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos