Bolsas

Câmbio

Grupo francês Vinci compra empresa peruana Lamsac por EUR 1,5 bilhão

Paris, 8 Ago 2016 (AFP) - O grupo de obras públicas francês Vinci comprou a empresa peruana de administração de estradas Lamsac e o sistema de pedágios Pex por 1,5 bilhão de euros (1,664 bilhão de dólares), anunciou a empresa.

A Vinci Highways, filial da Vinci Concessions, assinou um contrato com o grupo brasileiro Invepar para comprar a totalidade da sociedade Lamsac, concessionária da Via Expressa Línea Amarilla e da sociedade Pex, indicou o grupo francês em um comunicado.

A concessão, que engloba a construção, exploração e manutenção da de 25 km da Via Expressa Línea Amarilla no centro de Lima, é válida até novembro de 2049.

Em 2015, o tráfego da Via Expressa Línea Amarilla foi em média de 134.000 veículos por dia.

O tráfego aumentará depois da colocação em funcionamento de um novo trecho da via.

A finalização da transação e a transferência da exploração se tornarão efetivas no segundo semestre de 2016, indicou a Vinci.

Esta operação é um exemplo "da ambição da Vinci na América Latina", indicou o grupo francês.

Em 2015, o consórcio formado pelas francesas Vinci Airports, Aéroports de Paris e pela italiana Astaldi obteve a concessão do aeroporto internacional de Santiago do Chile, lembrou o comunicado.

A Vinci também está implantada no Brasil, no setor de serviços para a energia e a indústria, e na Colômbia assinou um acordo com a empresa Construtora Conconcreto para participar do programa de desenvolvimento da infraestruturas de estradas.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos