Bolsas

Câmbio

ONG e democratas pressionam Trump para que venda seu império imobiliário

Nova York, 15 dez 2016 (AFP) - A influente senadora democrata Elizabeth Warren e várias organizações que defendem a transparência na política pressionam Donald Trump para que venda seu império imobiliário e evite assim conflito de interesses.

Uma dezena de representantes de cinco organizações ligadas aos democratas, entre elas Common Cause e Public Citizen, apresentaram nesta quinta-feira na Trump Tower petições firmadas por mais de 400 mil pessoas para que o futuro presidente dos Estados Unidos se separe definitivamente de seus ativos.

Warren anunciou que prepara para janeiro, com o apoio de outros quatro senadores, um projeto de lei que obrigaria o presidente a vender qualquer ativo passível de conflito de interesses.

"A única maneira para Donald Trump eliminar os conflitos de interesse é se afastando de seus interesses financeiros e os colocando em um fundo de gestão 'cego'", tuitou Warren.

Como os democratas serão minoritários na Câmara e no Senado, o projeto tem pouca chance de ser aprovado.

Trump, primeiro bilionário que chega à Casa Branca, já havia mencionado a opção de um fundo 'cego', como ocorreu com os então presidentes Bill Clinton e George W. Bush.

O presidente eleito deveria transferir seus ativos a este fundo, que em seguida os venderia sem seu conhecimento sobre a administração do valor da venda.

Mas parece que Trump mudou de opinião. Em um tuíte na terça-feira, disse que pensa em transferir a direção de seu grupo, a Trump Organization, aos dois filhos homens.

Trump havia anunciado para esta quinta-feira uma coletiva para dar detalhes sobre o futuro de seus negócios, mas a adiou para uma data indeterminada.

A Trump Organization, presente em 20 países, tem atividades no setor imobiliário residencial e comercial, e também nas áreas de hotelaria, moda e produção de vinhos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos