PUBLICIDADE
IPCA
0,86 Out.2020
Topo

Walmart se associa à Microsoft para competir com a Amazon

17/07/2018 15h19

Washington, 17 Jul 2018 (AFP) - A Walmart anunciou nesta terça-feira (17) que iniciará uma associação estratégica com a Microsoft para conseguir uma "transformação digital" do outrora líder da indústria a varejo.

A medida tem como objetivo ajudar o Walmart a concorrer melhor contra a Amazon, que está levando uma parte cada vez maior das vendas a varejo nos Estados Unidos e também em todo o mundo.

Leia também:

As duas empresas explicaram que a associação está focada em usar inteligência artificial e outras ferramentas tecnológicas para ajudar a administrar custos, expandir operações e inovar mais rapidamente.

"O compromisso do Walmart com a tecnologia se concentra em criar formas incrivelmente convenientes para que os clientes comprem e empoderar os funcionários para que façam seu melhor trabalho", disse o CEO do Walmart, Doug McMillon.

A plataforma digital na nuvem de nível empresarial da Microsoft, conhecida como Azure, ajudará o Walmart a administrar operações que vão desde a refrigeração e o ar condicionado até a melhoria de sua cadeia de fornecimento e transporte.

"As principais empresas do mundo correm em nossa nuvem, e estou encantada de me associar com o Walmart para acelerar sua transformação digital com a Microsoft Azure e Microsoft 365", disse Satya Nadella, CEO da Microsoft.

No começo deste mês, a empresa de pesquisa eMarketer garantiu que o crescimento da Amazon lhe permitirá capturar 49,1% das vendas a varejo online dos Estados Unidos neste ano.

A Amazon está muito à frente de rivais como eBay, com 6,6% do comércio digital, e Apple, com 3,9%, segundo a eMarketer, que calculou a participação do Walmart em 3,7%.