PUBLICIDADE
IPCA
+0,53 Jun.2021
Topo

Cidades indianas estão entre as 30 mais poluídas do mundo

06/03/2019 19h51

Nova Délhi, 6 Mar 2019 (AFP) - As cidades indianas dominaram a classificação das mais poluídas do mundo em 2018, ocupando 22 dos 30 primeiros lugares, segundo um informe do Greenpeace.

Nova Délhi, na décima posição, é apontada mais uma vez como a capital com o ar mais poluído, enquanto a cidade indiana de Gurgaon está no topo da lista.

Segundo as Nações Unidas, a poluição do ar é responsável pela morte prematura de sete milhões de pessoas por ano e representa o principal risco de saúde em termos de meio ambiente.

Cidades da China, do Paquistão e de Bangladesh também aparecem entre as 30 primeiras da lista.

O informe mundial de 2018 sobre a qualidade do ar, elaborado pelo Greenpeace e pela IQAir AirVisual, analisou dados sobre a poluição do ar recolhidos de milhares de centros de observação, tanto públicos como privados, no mundo todo. Mais de 3.000 cidades aparecem na classificação, da mais poluída à mais limpa.

O documento aponta também a falta de informações sobre a qualidade do ar, especialmente na África e na América Latina.

Dos países latino-americanos analisados, a cidade mais poluída é Padres de las Casas, no Chile, que aparece na 182ª posição.

Por países em termos de população, Bangladesh aparece como o país mais poluído, seguido de perto por Paquistão e Índia. Afeganistão e Mongólia também estão entre os dez primeiros da lista.

"Deixando de lado as perdas humanas, o custo global estimado chega a 225 bilhões de dólares em custo de trabalho e a trilhões em termos de custos médicos", explicou Yeb Sano, diretor executivo do Greenpeace para o Sudeste Asiático.

O informe mediu as emissões de partículas finas chamadas PM2.5, que podem penetrar nas vias respiratórias e provocar problemas de saúde.

Das cerca de 3.000 cidades analisadas, 64% excedem as normas da Organização Mundial da Saúde (OMS) em termos de exposição anual às PM2.5.

ecl/tom/pg/phv/bc/mb/db