PUBLICIDADE
IPCA
0,86 Out.2020
Topo

Criação de emprego nos EUA desacelera mais que o espera em dezembro

10/01/2020 13h15

Washington, 10 Jan 2020 (AFP) - A economia dos Estados Unidos criou menos empregos do que o esperado em dezembro, mas a taxa de desemprego permaneceu em 3,5%, seu nível mais baixo em 50 anos, anunciou o Departamento do Trabalho nesta sexta-feira.

No total, 145.000 empregos foram criados no último mês de 2019, quando os analistas esperavam 160.000.

O número é muito inferior aos 256.000 registrados em novembro (revisados para baixo), cujo total foi inflado pelo retorno dos funcionários da General Motors após sua greve histórica.

Em média, a economia americana criou 175.000 empregos por mês em 2019 contra 225.000 criações mensais em 2018.

Embora seja mais baixo, este permanece um nível sólido, já que os americanos estimam que a economia local continua sendo apoiada com um número médio de 100.000 novos empregos mensais.

A evolução do salário médio por hora continuou decepcionando em dezembro, com um aumento de apenas + 0,1%, enquanto os analistas projetaram + 0,3%.

E comparado a dezembro de 2018, caiu abaixo de 3% (+ 2,9%) pela primeira vez em um ano e meio (julho de 2018).

Os salários lutam para decolar, apesar da escassez de mão de obra.

Durante 2019, as empresas geralmente preferem dar mais benefícios a seus funcionários, principalmente em termos de saúde, invés de aumentar os salários.

Isso se deve a um contexto de desaceleração econômica e incerteza ligada à guerra comercial entre os Estados Unidos e a China.

Dt/jul/mps/ll/cn

GENERAL MOTORS